Log in

Bem-vindo Log out Alterar dados pessoais

Esqueceu a senha?

X

Qualquer dúvida click no link ao lado para contato com a Central de Atendimento ao Assinante

Esqueceu a senha?

X

Sua senha foi enviadad para o e-mail:

Indígenas do AM receberão certificado de magistério da Seduc

Solenidade ocorrerá no próximo sábado (1), no município de Manaquiri. Segundo a secretaria, dos 18 profissionais formandos, dez residem em áreas indígenas do Amazonas

Curso foi aplicado junto a indígenas das etnias Mura, Apurinã, Miranha, Tikuna, Munduruku e Kaxinawa

Curso foi aplicado junto a indígenas das etnias Mura, Apurinã, Miranha, Tikuna, Munduruku e Kaxinawa (Divulgação/Seduc)

O Governo do Estado por meio da Secretaria de Estado de Educação (Seduc) concluiu uma nova etapa de formação do projeto Pirayawara e certificará 18 professores no curso de Magistério Indígena. O curso foi aplicado junto a indígenas das etnias Mura, Apurinã, Miranha, Tikuna, Munduruku e Kaxinawa. A solenidade de certificação ocorrerá no próximo sábado (1) no município de Manaquiri, distante 80 quilômetros de Manaus.

A formação do projeto Pirayawara é oportunizada pela Seduc e desenvolvida pela Gerência de Educação Escolar Indígena, pertencente ao Departamento de Políticas e Programas Educacionais do órgão e contou com a parceria institucional de prefeituras municipais. Conforme a gerência, dos 18 profissionais formandos, dez residem em áreas indígenas do perímetro de Manaquiri e oito do Careiro da Várzea.

A gerente de Educação Escolar Indígena da Seduc, Alva Rosa Lana Vieira, informou que a capacitação teve carga horária total de 5.600 horas com aulas presenciais e semipresenciais com base em metodologia diferenciada, valorizando os conhecimentos tradicionais indígenas. O programa de formação tem o currículo baseado na legislação da Educação Básica Profissional e é reconhecido pelo Conselho Estadual de Educação do Amazonas.

A solenidade de certificação contará com a participação do prefeito de Manaquiri, Aguinaldo Martins Rodrigues, do prefeito do Careiro da Várzea, Pedro Guedes, de secretários municipais de educação dos dois municípios, de representantes da Fundação Nacional do Índio (Funai), da Universidade Estado do Amazonas (UEA), da Seduc, de lideranças indígenas, professores e formandos.

Para o secretário de Estado de Educação, Rossieli Soares da Silva, é com grande satisfação que o Estado recebe os novos profissionais do magistério. "É um momento de valorizar o empenho de cada profissional que concluiu o curso e ressaltar a contribuição dos povos indígenas para o desenvolvimento do Amazonas", citou.

*Com informações da Seduc