Log in

Bem-vindo Log out Alterar dados pessoais

Esqueceu a senha?

X

Qualquer dúvida click no link ao lado para contato com a Central de Atendimento ao Assinante

Esqueceu a senha?

X

Sua senha foi enviadad para o e-mail:

  • EM DESTAQUE

0 comentarios | 16 de Maio de 2014

Pesadelo

O sonho que está virando pesadelo! Além de vibrar com a seleção, temos que torcer para que Deus seja realmente brasileiro. Nessa hora, só com muita fé e oração para que a Copa seja tranquila e bem organizada!

Todos nós temos um sonho, nas quais uns mais reais e possíveis, enquanto outros considerados loucos ou difíceis de serem alcançados. Se conseguimos realizar ou não, depende diretamente dos desbloqueios de nossas crenças e paradigmas. Uma das formas de alcançar os resultados é estar preparado para quando as oportunidades surgirem; e se você tiver tempo ainda para se planejar, melhor ainda, pois as visões se tornam mais reais e palpáveis.

Há exato um mês da Copa do Mundo, infelizmente vejo que um sonho está virando pesadelo. Em outros artigos aqui escritos, tentei de todas as formas ser o mais positivo e otimista possível, com relação a realizar um evento dos sonhos. Ainda mais eu que sou apaixonado por futebol desde criança, teria a oportunidade de ver jogos na cidade onde moro, e depois usufruir do esperado legado, que tanto pregaram quando da campanha pela candidatura do Brasil. Os jogos eu verei, quanto aos benefícios pós copa...

Os governantes dos Estados que receberão os turistas, perderam a grande oportunidade de se destacarem nacionalmente, ou quem sabe mundialmente, pelo simples fato de cumprir o que deveria ser feito. E tiveram tempo mais do que suficiente para isso. Já imaginou a mídia mundial propagando espontaneamente que Manaus fora a única capital a ter um BRT implantado, que o aeroporto ficara pronto com um ano de antecedência, e que a arena inaugurou dois anos antes do previsto, e já estava recebendo uma grande quantidade de jogos do Brasileirão, com grandes clássicos de fora? Infelizmente tudo não passou de um sonho.

Nenhuma cidade foi exemplo de gestão, planejamento e execução.

A instabilidade que o Brasil vive hoje, nos tira também o sono, pois não sabemos o que vem por aí em termos de manifestações e caos urbano. Dizem que para amenizar o tráfego, será decretado feriado nos dias de jogos. Se o comércio não abrir, o que farão os turistas e como iremos faturar? Em tempos de “selfies”, “wefies”, “hashtag” e outras nomenclaturas sociais, será impossível fazer isso dos estádios, pelo menos pelas experiências dos jogos testes. O tão falado 4G nem pensar, e se você conseguir pelo menos falar ao telefone próximo ao local dos jogos, já será uma vitória. Os raios X que garantirão a segurança na arena, não foi testado em nenhum jogo. Esse procedimento detalhado é um fator preocupante para emperrar a entrada de torcedores.

Aeroportos inacabados

Essa semana, no aeroporto de São Paulo – GRU Airport – os painéis de informações de voos estavam em pane, e o portão de acesso da minha viagem trocou por três vezes. As telas de LCD das entradas para os aviões estavam com os destinos alterados, e muita gente estava embarcando erradamente. Os tapumes continuam em todos os terminais aeroportuários das cidades-sede. E diante desse festival de incompetência, ainda nos ofendemos quando o coordenador da FIFA vem e “detona” o nosso país. Eles estão certos de exigir o padrão FIFA para as cidades. Se ao invés de termos “chacoteados” essa exigência, e cobrado mais, talvez hoje estaríamos com o legado que tanto a FIFA exigiu, e tomamos como dores nacionalistas. Diante de todos esses fatos só nos resta continuar a vivermos no país do “jeitinho”. Uma gariba pra lá, um retoque prá cá. E teremos mais uma vez, além de vibrar com a nossa seleção, torcer para que Deus seja realmente brasileiro. As Olimpíadas vem aí. Oremos!

sobre este blog

Blog do Oshiro

Aqui você fica sabendo sobre as tendências e as inovações do Desenvolvimento de Pessoas, a cultura do Atendimento com Encantamento, comportamento humano e os meus artigos publicados aos domingos no Caderno Dinheiro do Jornal A Critica.

calendario de entradas

<Anterior Próximo>
novembro 2014
S T Q Q S S D
1 2
3 4 5 6 7 8 9
10 11 12 13 14 15 16
17 18 19 20 21 22 23
24 25 26 27 28 29 30