Log in

Bem-vindo Log out Alterar dados pessoais

Esqueceu a senha?

X

Qualquer dúvida click no link ao lado para contato com a Central de Atendimento ao Assinante

Esqueceu a senha?

X

Sua senha foi enviadad para o e-mail:

  • EM DESTAQUE

0 comentarios | 02 de Janeiro de 2014

Artur não consegue frear Hissa

À revelia da orientação do prefeito Artur Neto (PSDB) de não usar a máquina para campanha, o vice-prefeito Hissa Abrahão (PPS) discursou, na festa de réveillon da prefeitura na Zona Leste, como pré-candidato ao Governo. “Vocês sabem a vontade que eu tenho e a luta que nós estamos (travando) para renovar a política amazonense (...) Muito obrigado porque vocês renovam nossas forças para combater os faraós e poder transformar Manaus e o Amazonas”.

 

Palanque

No maior reduto eleitoral da cidade (mais de 200 mil eleitores), Hissa respondeu às críticas sobre sua maturidade. “Manaus mudou e vai mudar muito mais se a gente se unir. Se tiver compromisso com cada pessoa, porque ter maturidade é ter compromisso com Manaus inteira e com o Estado inteiro”.

 

Separados

Artur e Hissa estiveram na Zona Leste em horários diferentes. Artur, por volta de 20h30 acompanhado do vice-governador José Melo (Pros). Hissa às 22h30, quando o local estava lotado, chegou com dois seguranças. Ontem, a Semcom informou que não havia previsão de agenda do vice-prefeito no réveillon.

 

Desafinados

José Melo acompanhou o prefeito em três palcos: o do Jorge Teixeira, na Zona Leste, do Educandos, na Sul, e o da Ponta Negra, Zona Centro-Oeste. Só não conseguiu se equiparar ao prefeito em animação. Artur dançou forró com populares e tentou cantar Garçom, de Reginaldo Rossi.

 

Calma, prefeito

Apesar de ter deixado a Ponta Negra às 3h do dia 1º, segundo assessores, o prefeito ainda estava disposto a visitar obras no primeiro dia do ano. Foi alertado, no dia 31, pelo secretário da Seminf, Luiz Borges, que todos os funcionários estavam de folga.

 

Incoerência

O ex-advogado do senador Eduardo Braga (PMDB), Délcio Santos, é um dos escolhidos para julgar as denúncias envolvendo irregularidades na campanha de 2014, em que Braga é pré-candidato ao Governo. Délcio compõe o pleno do TRE-AM desde 2013 e mantém estreita relação com o ex-cliente.

 

Auxiliares

Além de Délcio, a eleição 2014 terá como juízes auxiliares, a juíza federal Maria Lúcia de Souza e o juiz estadual Francisco Queiroz. Cabe aos auxiliares julgarem todas as denúncias feitas pelo MP e candidatos durante o pleito.

 

Altar

A confraternização de final de ano do diretor-presidente do Detran-AM, Leonel Feitoza (PSD), com os funcionários foi marcada por uma missa. No alto da cabeça do padre do altar improvisado, ao invés do tradicional crucifixo, havia uma foto do governador Omar Aziz (PSD).

 

Moroso

O ministro do TSE Dias Toffoli adiou para depois do recesso judiciário o julgamento do processo que pode alterar a composição da CMM com a saída da vereadora Glória Carrate (PSD) e a entrada do vereador eleito Ronaldo Tabosa (PP). Toffoli podia tomar a decisão no caso monocraticamente, mas decidiu levar o caso à Corte.

 

Lobby

Advogados que acompanham o caso dizem que a decisão foi tomada após visitas de políticos do Amazonas ao TSE, em outubro. Dois meses após extinção de processo, que é o único argumento para Carrate ficar na vaga de Tabosa, o apresentador continua sem sentir o gosto da cadeira.

 

Pinga-fogo

O deputado federal Carlos Souza (PSD), pré-candidato a reeleição, escolheu como meta para 2014 lutar contra o polêmico contingenciamento de recursos da Suframa, quase um tabu no Governo Federal.

Carlos Souza apresentou um indicativo na Câmara Federal, em dezembro, para tentar levantar o assunto na Casa no primeiro semestre.

O Conselho Regional de Economia (Corecon/AM) reclamou, ontem, por meio de nota que, ao contrário do que foi publicado no Caderno Especial de Economia do A CRÍTICA de fim de ano, o economista Erivaldo Lopes deixou o cargo há quatro anos. Atualmente, o presidente do Corecon/AM é o economista Marcus Evangelista.

sobre este blog

Blog do Sim & Não

É a coluna de opinião publicada no jornal A Crítica de Manaus, que agora chega à sua versão na internet, trazendo os fatos e os bastidores da política, da cidade e da economia, como faz há 60 anos em sua versão impressa

calendario de entradas

<Anterior Próximo>
abril 2014
S T Q Q S S D
1 2 3 4 5 6
7 8 9 10 11 12 13
14 15 16 17 18 19 20
21 22 23 24 25 26 27
28 29 30