Log in

Bem-vindo Log out Alterar dados pessoais

Esqueceu a senha?

X

Qualquer dúvida click no link ao lado para contato com a Central de Atendimento ao Assinante

Esqueceu a senha?

X

Sua senha foi enviadad para o e-mail:

  • EM DESTAQUE

0 comentarios | 02 de Julho de 2014

Braga elogia ideia de Omar Aziz

O senador Eduardo Braga (PMDB) tem feito elogios ao Ronda no Bairro, criado e implantado em Manaus e mais dez cidades pelo ex-governador Omar Aziz (PSD), que se tornou o principal desafeto do peemedebista nas eleições deste ano. O afago mais evidente de Braga ao programa foi feito na segunda-feira, durante a convenção que confirmou o senador como candidato ao Governo. Na ocasião, Braga disse que o programa era uma “boa ideia” e um “bom projeto” que precisa ser melhorado.

Hierarquia

Braga também faz críticas e diz que é preciso combater a corrupção policial no Ronda no Bairro e que a secretaria adjunta criada para geri-lo quebra a hierarquia da Polícia Militar.

Gestão

Braga não é o primeiro candidato a governador a fazer elogios ao Ronda no Bairro. Em entrevista publicada em A CRÍTICA, no domingo, o deputado Marcelo Ramos (PSB) disse que o programa é bom, mas mal gerido.

Substituto

A hipótese do PT nacional de vetar o deputado Francisco Praciano a disputar qualquer tipo de candidatura dele este ano fez seus aliados apelarem ao deputado estadual José Ricardo para que entre na disputa pela vaga de deputado federal. Ele, porém, não quer nem ouvir falar na ideia.

Transferência

Os petistas ligados a Praciano, que tem dificuldade para manter sua candidatura a senador, acham que, pela ligação que tem com José Ricardo, poderá transferir seu capital eleitoral para o parceiro. A ideia é manter o mandato de federal no grupo de Praciano.

Complexo

O jornal Valor Econômico noticiou ontem que a presidente Dilma conta com dois palanques no AM, o do PMDB, do senador Eduardo Braga, e o do Pros, do governador José Melo. O jornal, porém, considera o Estado um caso complexo para a petista.

No cimento

Reagindo a rumores que circularam ontem à tarde de que teria deixado a aliança com o PMDB, o vice-prefeito Hissa Abrahão (PPS) comentou: “Minha presença aqui está cimentada”.

Bem na foto

A propósito, tido como um dos candidatos preferenciais a deputado federal no chapão de Braga, Hissa saiu ontem de uma sessão de fotos para campanha perguntando a interlocutores: “Eu estou bem na foto?”

Missão

Sentindo-se pressionados, vinte e cinco prefeitos que apoiam a reeleição do deputado federal Silas Câmara (PSD) foram chamados a uma reunião ontem, no Canaã, sede da Assembleia de Deus. Ele deu aos prefeitos um mapa com o quantitativo eleitoral que cada um tem que conseguir pra ele.

Via crucis

A Justiça Federal se tornou a via crucis para candidatos que respondem a processo na instituição. Sem pendência a certidão sai pela Internet. Com pendência, precisa ir à sede do poder, preencher um formulário, pagar uma taxa, retornar e depois esperar 48 horas pelo documento.

Comparação

Há outra situação que irrita os candidatos. Na Justiça Federal tem uma agência da Caixa Econômica, mas o pagamento da taxa só poder ser feito no Banco do Brasil. Na Justiça do Amazonas, a obtenção da certidão é mais rápida e não há pagamento de taxa.

Pinga-fogo

Parceria entre Estado e Município que selou a aliança Pros, do governador José Melo, com o PSDB, de Artur Neto, apareceu ontem no Incra, território dominado pelo PT, que apoia Eduardo Braga.

A ação conjunta entre Governo e Prefeitura foi tratada numa sala reservada, durante evento sobre Agricultura Familiar, onde o titular da Sepror, Valdenor Cardoso, discutiu com um representante de Manaus a respeito de ações imediatadas para recuperação de vicinais no interior.

A FCecon está em busca do credenciamento como hospital de ensino junto aos ministérios da Educação e da Saúde. Para isso, está em busca da certificação ISO 9000.

sobre este blog

Blog do Sim & Não

É a coluna de opinião publicada no jornal A Crítica de Manaus, que agora chega à sua versão na internet, trazendo os fatos e os bastidores da política, da cidade e da economia, como faz há 60 anos em sua versão impressa

calendario de entradas

<Anterior Próximo>
novembro 2014
S T Q Q S S D
1 2
3 4 5 6 7 8 9
10 11 12 13 14 15 16
17 18 19 20 21 22 23
24 25 26 27 28 29 30