Log in

Bem-vindo Log out Alterar dados pessoais

Esqueceu a senha?

X

Qualquer dúvida click no link ao lado para contato com a Central de Atendimento ao Assinante

Esqueceu a senha?

X

Sua senha foi enviadad para o e-mail:

  • EM DESTAQUE

2 comentarios | 11 de Dezembro de 2013

Café reata José Melo e Amazonino

Um café da manhã com pupunha, tucumã e tapioca marcou na segunda-feira a reaproximação de dois personagens da política amazonense que há cerca de dez anos não se afinavam: o vice-governador José Melo (Pros), pré-candidato a governador, e o ex-prefeito Amazonino Mendes (PDT). A conversa, às margens do Tarumã, na casa de Amazonino, durou cerca de três horas, segundo revelaram aliados do ex-prefeito. O encontro entre eles vinha sendo articulado há cerca de dois meses.


Amigos

Detalhe que chamou atenção no reencontro entre Amazonino e Melo foi a despedida, quando o ex-prefeito disse a Melo diante de outras pessoas: “Não se preocupa. Amigo cuida de amigo”.


Esse Américo...

Amigo de Amazonino, que há poucos dias andou com ele pela cidade, reportou à coluna como o ex-prefeito reagiu ao observar o recapeamento asfáltico feito por seu sucessor, Artur Neto: “Esse Américo (Gorayeb)”. Américo foi secretário de Obras de Amazonino.


Cheiroso

Cumprimentado pelo deputado Marcos Rotta (PMDB), ontem, na ALE-AM, onde participou de sessão solene, José Melo disse: “Você está muito cheiroso. Imagine: ‘Você é alto, bonito e cheiroso’. Já eu, baixinho e careca’”. No ato, Rotta o retrucou: “Porém, você vai ser governador”.


Atrito

Responsabilizando o colega Belarmino Lins (PMDB) pelo fato de ter ficado sem fala no pequeno expediente da ALE-AM, ontem, o deputado Sidney Leite (Pros) protestou: “Ninguém aqui vai calar minha boca”. Lins replicou: “Ao invés de ficar reclamando, vossa excelência deveria ficar mais atento à sessão”.


Reflexo

Após a alfinetada entre Lins e Leite, parlamentares tentavam entender o que houve entre os dois e o deputado Marcelo Ramos (PSB) arriscou: “Só pode ser reflexo entre Pros e PMDB”, disse ele, referindo-se ao fato de os dois partidos terem pré-candidatos a governador.


Espião

Agitados com almoço oferecido ontem pelo colega Marcelo Serafim (PSB) para comemorar o aniversário de Reizo Castelo Branco (PTB), vereadores cochichavam entre si, antes do evento: “Cuidado! Não vão falar besteira. O Marcelo tem um relógio espião, que grava tudo”.


Peça

Procurado pela coluna sobre o espião, Marcelo caiu na gargalhada, dizendo: “Eu não tenho esse relógio. Era de um colega que estava com um desses, num restaurante; eu peguei e mostrei a três vereadores e agora eles estão espalhando essa conversa”.


Porto

A Bertolini recebeu sinal verde para explorar o porto de Manaus, que entrou no pacote do marco regulatório da nova Lei dos Portos, assinado este ano pela presidente Dilma Rousseff. O ato que admite o contrato foi publicado ontem.


Incêndio

A Petrobras está apurando as causas de um incêndio ocorrido no dia 1º de dezembro na Refinaria Isaac Sabbá, em Manaus, onde três pessoas ficaram feridas.


Gravidade

O Sindipetro de Santa Cataria e Paraná, onde também foi registrado sinistro em refinaria, no dia 28 de novembro, postou notícia em seu site informando que, no caso de Manaus, um operário sofreu queimaduras em 34% do corpo, enquanto outro teve 23% do organismo afetado pelas chamas.


Pinga-fogo

A Vivo liberou sinal de telefonia para Pedras, comunidade rural de Barreirinha, onde os moradores se revoltaram com a operadora e quebraram a antena instalada ali.

A fúria de Pedras desligou o sinal em vários municípios do baixo Amazonas. Eles não engoliam o fato de terem uma antena que apenas distribuía o sinal para outros locais.

Assim que soube ontem da liberação de R$ 6 milhões para a construção de dois centros de iniciação ao Esporte para o Amazonas (um em Manaus e outro em Coari), a senadora Vanessa Grazziotin (PCdoB) ligou para o ministro Aldo Rebelo para agradecê-lo. Ela tratou dos centros com ele em outubro, quando Aldo veio ao Estado.

sobre este blog

Blog do Sim & Não

É a coluna de opinião publicada no jornal A Crítica de Manaus, que agora chega à sua versão na internet, trazendo os fatos e os bastidores da política, da cidade e da economia, como faz há 60 anos em sua versão impressa

calendario de entradas

<Anterior Próximo>
abril 2014
S T Q Q S S D
1 2 3 4 5 6
7 8 9 10 11 12 13
14 15 16 17 18 19 20
21 22 23 24 25 26 27
28 29 30