Log in

Bem-vindo Log out Alterar dados pessoais

Esqueceu a senha?

X

Qualquer dúvida click no link ao lado para contato com a Central de Atendimento ao Assinante

Esqueceu a senha?

X

Sua senha foi enviadad para o e-mail:

  • EM DESTAQUE

0 comentarios | 30 de Dezembro de 2013

Para Melo, saída de Omar é o “provável”

A três meses da desincompatibilização, o vice-governador e pré-candidato ao Governo em 2014, José Melo (Pros), adotou com ênfase o discurso de “diretoria” e trata a saída do governador Omar Aziz (PSD) do cargo e a alçada dele a governador do Amazonas como fato “provável”. “Muitas coisas irão acontecer e mudar o cenário político a meu favor no ano que vem, uma delas é a provável saída de Omar, para eu assumir e para ele concorrer ao Senado”.

Nós

Prestes a sua “provável” posse como governador, José Melo se inseriu como um dos abalizadores das candidaturas de Eduardo Braga e Omar Aziz, no passado: “O senador era vice do Amazonino, procurou a todos nós do grupo e disse que era a vez dele. E nós aceitamos. O Omar era o vice do Eduardo. A regra não vale pra mim?”.

Aval

O vice-governador revelou à coluna que há três meses o governador o liberou para a pré-campanha. “Antes, minha candidatura era tímida, como deveria ser, porque o Omar é o governador. Tivemos uma conversa e ele me liberou”.

Ainda

 “Só Deus. Fora isso...”, declarou José Melo ao ser questionado sobre o que o faria desistir da candidatura em 2014. Os sinais divinos, segundo ele, poderiam vir por meio de doença ou se não conseguir costurar as alianças que acredita que conseguirá.

Convalescença

A reunião do secretariado municipal na sexta-feira, de quase 12 horas, ajudou a amenizar o clima de hostilidade entre o prefeito Artur Neto (PSDB) e o vice-prefeito Hissa Abrahão (PPS), que ficou pesado após a demissão via rádio do ex-titular da Seminf. Os dois almoçaram na mesma mesa e até riram ao final do encontro.

Mágoas

Interlocutores do governador Omar Aziz dizem que mais uma aresta surgiu na conflituosa relação dele com senador Eduardo Braga. No dia em que saiu a pesquisa do Ibope apontando Omar como o governador mais bem avaliado do País, há duas semanas, os dois se encontraram e Braga sequer tocou no assunto.

Palanques

 Em entrevista ao jornal “Valor Econômico”, o senador Eduardo Braga colocou nas costas da presidente Dilma Rousseff e do ex-presidente Lula a responsabilidade de resolver o imbróglio das alianças estaduais entre PT e PMDB, com travas também no Amazonas.

‘Não por mim’

 Na mesma matéria, Braga lança a dúvida sobre sua candidatura ao Governo e diz que a mesma depende de alianças, apoio do povo e financiamento. Mas, segundo o jornal, o senador admitiu que, se for para ajudar Dilma, está à disposição.

Inauguração

Até fevereiro, será inaugurado em Ipojuca, na região metropolitana do Recife (PE), um entreposto dos produtos da Zona Franca de Manaus no Nordeste. Antes, a produção ia até São Paulo para então ser distribuída na região.

Parceria

O entreposto foi possível a partir de convênios entre o governador de Pernambuco Eduardo Campos (PSB) e o governador Omar Aziz.Biônico O presidente estadual do PT, Valdemir Santana, reagiu assim às informações de que Amazonino Mendes (PDT) seria suplente de Omar Aziz ao Senado. “Ele já foi biônico e aprendeu que é melhor na urna”. O PT tem interesse de indicar o suplente de Omar, favorito à vaga.

Pinga fogo

A pré-candidata Rebecca Garcia (PP) iniciará o ano debruçada no Programa de Governo que vai apresentar aos eleitores e à Justiça Eleitoral durante a campanha de 2014. Terá reuniões com técnicos e políticos durante todo o mês de janeiro.

O primeiro Réveillon da Zona Sul de Manaus, na Orla do Amarelinho terá entre os padrinhos os vereadores Ednailson Rozenha (PSDB) e Alonso Oliveira (PTC), cujas bases estão localizadas nessa região. Os dois são cotados para serem candidatos a deputado estadual.

Os dois fizeram lobby para o evento desde agosto junto a Manauscult. A estimativa é que pelo menos 15 mil pessoas acompanhem os fogos no Amarelinho.

sobre este blog

Blog do Sim & Não

É a coluna de opinião publicada no jornal A Crítica de Manaus, que agora chega à sua versão na internet, trazendo os fatos e os bastidores da política, da cidade e da economia, como faz há 60 anos em sua versão impressa

calendario de entradas

<Anterior Próximo>
abril 2014
S T Q Q S S D
1 2 3 4 5 6
7 8 9 10 11 12 13
14 15 16 17 18 19 20
21 22 23 24 25 26 27
28 29 30