Log in

Bem-vindo Log out Alterar dados pessoais

Esqueceu a senha?

X

Qualquer dúvida click no link ao lado para contato com a Central de Atendimento ao Assinante

Esqueceu a senha?

X

Sua senha foi enviadad para o e-mail:

  • EM DESTAQUE

0 comentarios | 25 de Agosto de 2014

A mesa do poder do MP no interior

Debate realizado na sexta-feira entre os candidatos que disputam o comando do Ministério Público do Amazonas (MP-AM) mostrou que o desafio do próximo procurador-geral será melhorar o funcionamento das promotorias do interior. O tema está na ponta da língua dos dez candidatos e foi levado ao evento estampado na camisa dos promotores-eleitores. Segundo eles, grande parte dos gabinetes do Poder, nas comarcas, resume-se a uma mesa, às vezes, montada na sala de audiência.

Olheiros

Além da falta de estrutura física para atuar, os promotores de Justiça são obrigados a conviver com outra situação. Servidores que atuam no órgão são cedidos pelas prefeituras, o que leva os promotores a considera-los olheiros do prefeito.

Coerência

O fato dos candidatos possuírem propostas semelhantes para um eleitorado altamente crítico faz com que integrantes da instituição apostem que o vencedor será avaliado por coerência entre seu discurso e história na carreira.

Aposta  

Dos onze candidatos a governador do PSB no País, a campanha de Marina Silva inclui seis com chances reais de vitória. Dos três pessebistas do Norte (AM, RR e AP), apenas Camilo Capiberibe, candidato à reeleição no Amapá, é incluído nessa avaliação.

Próximos 

O fato de Elias Emanuel (PSB) ter aparecido na semana passada na campanha do Arthur Bisneto (PSDB), candidato  a deputado federal, é apenas mais uma mostra da boa relação que tucanos e socialistas  possuem no País.

Ligações 

No sábado, por exemplo, Marina Silva fez acenos à campanha do tucano José Serra, candidato ao Senado por São Paulo. O deputado Walter Feldman, agora um dos coordenadores da campanha da ex-ministra, foi filiado ao PSDB por cerca de 25 anos.

Atleta

A presidente do TRE-AM, desembargadora Socorro Guedes, passou três horas ao sol fazendo panfletagem sobre a propaganda eleitoral e pedindo apoio da população à fiscalização eleitoral. Foi a feiras, pontos de ônibus e turísticos.

 “Sol lindo!” 

Nos bastidores da entrevista que deu na semana passada à TV Crítica, o governador José Melo (Pros), candidato à reeleição, falava que em política há muitas mudanças, com dia de sol, de chuva e dias nublados, quando o apresentador Wilson Lima lhe perguntou: “E o seu dia, como está?”. De pronto, disse: “O Sol está lindo”.

Identidade 

Aliados de Melo mostram-se preocupados com o fato do ex-governador Omar Aziz (PSD) ter aparecido no primeiro dia de campanha pedindo voto para o aliado. Eles estão preocupados que o excesso possa anular a identidade de Melo.

Adesão 1

O senador Eduardo Braga (PMDB) se diz “impressionado” com a receptividade nas visitas que tem feito aos municípios. “A insatisfação com o atual governo, que anda muito devagar, está alimentando esta onda, que também já toma conta dos bairros de Manaus”, comentou Braga.

 Adesão 2

Em Maués, o descontentamento, segundo Braga, o fez reunir forças antagônicas do município. Os ex-prefeitos Edvaldo Miguel Paiva (o Belexo) e Carlos Esteves, dividiram palanque com o atual prefeito, Padre Carlos Góes, para declarar apoio a Braga.

Pinga-fogo

Na semana passada,  o senador Eduardo Braga retornou de campanha a  Manacapuru dizendo que nunca viu coisa igual. Esta semana foi a vez de José Melo retornar de lá falando de coisa gigantesca.

A uma semana de setembro, é visível que água que compôs uma das maiores enchentes da região ainda não baixou. As praias que surgem nessa época do ano no rio Negro ainda não apareceram e falta muito para aparecer.

Para se ter ideia do quanto a água desce lenta, este ano, na sexta-feira a régua do Porto de Manaus media um nível de 27,80 metros. No ano passado, nesse mesmo dia, registrava 26,51 e 26,26 metros em 2012 contra  25,84 metros em 2011.

sobre este blog

Blog do Sim & Não

É a coluna de opinião publicada no jornal A Crítica de Manaus, que agora chega à sua versão na internet, trazendo os fatos e os bastidores da política, da cidade e da economia, como faz há 60 anos em sua versão impressa

calendario de entradas

<Anterior Próximo>
outubro 2014
S T Q Q S S D
1 2 3 4 5
6 7 8 9 10 11 12
13 14 15 16 17 18 19
20 21 22 23 24 25 26
27 28 29 30 31