Log in

Bem-vindo Log out Alterar dados pessoais

Esqueceu a senha?

X

Qualquer dúvida click no link ao lado para contato com a Central de Atendimento ao Assinante

Esqueceu a senha?

X

Sua senha foi enviadad para o e-mail:

Aguinaldo Silva vence processo movido contra o 'Pânico na Band' e comemora no Facebook

Em agosto de 2012, Silva entrou com um processo contra os humoristas por não gostar das brincadeiras envolvendo seu nome. Em maio deste ano, o "Pânico" já havia sido proibido de citar ou fazer piada com o nome do autor sem autorização

Aguinaldo Silva não divulgou o valor que deverá receber dos responsáveis pelo programa humorístico

Aguinaldo Silva não divulgou o valor que deverá receber dos responsáveis pelo programa humorístico (Reprodução/Internet)

Aguinaldo Silva venceu o processo que movia contra o programa “Pânico na Band”. O autor de novelas globais anunciou a conquista por meio do seu perfil na rede social Facebook, nesta semana. 

Em agosto de 2012, Silva entrou com um processo contra os humoristas por não gostar das brincadeiras envolvendo seu nome. Em uma delas, Wellington Muniz, o Ceará, cobriu a Parada Gay de São Paulo vestido como o novelista.No post, o autor afirmou que ganhou um “presente de Natal antecipado".  

Em maio deste ano, o "Pânico" já havia sido proibido de citar ou fazer piada com o nome do autor sem autorização. Se o fizesse, teria de pagar multa de R$ 50 mil por quadro do programa ou conteúdo exibido.

O processo por danos morais tramitou na 28ª Vara Cível do Rio. Aguinaldo Silva não divulgou o valor que deverá receber dos responsáveis pelo humorístico.

Confira a íntegra a nota postada no Facebook:

"VITÓRIA CONTRA O "PÂNICO"! Meu presente de Natal chegou antecipado: a juíza Marianna Mazza Vaccari Machado Manfrenatti decidiu a meu favor no processo que eu movia contra o programa "Pânico" da TV Bandeirantes. Assim, eles terão que me indenizar por danos morais. Pela importância da sentença da juíza, na qual ela estabelece limites para o que alguns chamam "liberdade de expressão", mas na verdade não passa de desrespeito, eu a publicarei na íntegra amanhã em meu blog. Aguardem. E obrigado ao meu advogado Sylvio Guerra, que continua invicto."