Log in

Bem-vindo Log out Alterar dados pessoais

Esqueceu a senha?

X

Qualquer dúvida click no link ao lado para contato com a Central de Atendimento ao Assinante

Esqueceu a senha?

X

Sua senha foi enviadad para o e-mail:

Filha de Woody Allen fala pela 1º vez sobre suposto abuso sexual do pai

Em carta aberta ao The New York Times publicada no último sábado (9) a filha adotiva de Woody Allen fala pela 1º vez sobre suposto abuso sexual do pai

Woody Allen (ao lado esquerdo) nunca sofreu acusação formal da polícia pelo suposto crime de abuso sexual da própria filha, Dylan Farrow (ao lado direito)

Woody Allen (ao lado esquerdo) nunca sofreu acusação formal da polícia pelo suposto crime de abuso sexual da própria filha, Dylan Farrow (ao lado direito) (Reprodução)

Dylan Farrow, a filha adotiva de Mia Farrow e Woody Allen,falou pela primeira vez do suposto abuso sexual que sofreu do pai quando criança em uma carta aberta publicada pelo jornal The New York Times neste sábado (2). Allen sempre negou ter agredido sexualmente sua filha – na época com 7 anos, quando a acusação surgiu em 1992 após o divórcio com Mia Farrow.

Em um relato chocante e minucioso, ela relembra como era a convivência com o pai e o estranhamento que sentia na maneira de Allen se relacionar com ela. Agora uma adulta, Dylan é casada e mora na Flórida com o marido e resolveu falar o que viveu após ser diagnosticada com estresse pós-traumático.

"Qual é o seu filme favorito de Woody Allen? Antes de responder, você deve saber: quando eu tinha sete anos de idade, Woody Allen tomou-me pela mão e me levou para um sótão de luz fraca e parecido com um closet no segundo andar da nossa casa. Ele me disse para deitar de barriga para baixo e jogar com conjunto de trem elétrico de meu irmão. Então, ele me agrediu sexualmente”, escreveu Dylan no começo do texto.

“Ele falou comigo enquanto ele fez isso, sussurrando que eu era uma boa menina, que este era o nosso segredo, prometendo que eu iria para Paris e eu seria uma estrela em seus filmes. Lembro-me de olhar para esse trem de brinquedo, concentrada nele enquanto ele andava em círculos ao redor do sótão. Até hoje, é difícil olhar para trens de brinquedo”, continua a carta.

Indicação ao Oscar

Woody Allen recebeu sua última indicação ao Oscar de Melhor Filme e Melhor Diretor este ano por seu novo filme “Blue Jasmine”. Cate Blanchett, estrela principal do filme também concorre ao prêmio de Melhor Atriz.

Foi a admiração que Hollywood e o público têm por Allen que incomodou tanto Dylan a ponto dela precisar vir à tona com este assunto, como ela conta no seu texto. A carta aberta pode ser lida na íntegra aqui, em íngles.

Escândalo

Mia Farrow e Allen se divorciaram em litígio no ano de 1992 após a atriz descobrir a traição do então marido com outra filha adotiva do casal, a sul coreana Soon-Yi Previn, na época apenas com 19 anos - o diretor já tinha 56.

Allen confirmou o caso extra conjugal e se casou com Soon Yi Previn em 1997. O casal adotou duas crianças e permanecem juntos até hoje.