Log in

Bem-vindo Log out Alterar dados pessoais

Esqueceu a senha?

X

Qualquer dúvida click no link ao lado para contato com a Central de Atendimento ao Assinante

Esqueceu a senha?

X

Sua senha foi enviadad para o e-mail:

Ex-ator de ‘Hulk’ desmente boatos sobre morte nesta quarta-feira

Lou Ferrigno, de 62 anos, interpretou o famoso herói no seriado dos anos 1970; relembre outros famosos que foram ‘assassinados’ nas redes sociais

Lou Ferrigno encarou a história com bom humor no Twitter: ‘eu ainda vou viver muito, garoto’

Lou Ferrigno encarou a história com bom humor no Twitter: ‘eu ainda vou viver muito, garoto’ (Reprodução/Internet)

Os boatos sobre a morte do ator americano Lou Ferrigno, de 62 anos, nesta quarta-feira (28), são falsos. Quem garante é o próprio Lou, que veio a público e no Twitter desmentir os rumores, espalhados, como sempre, através das redes sociais.

Famoso por interpretar o herói dos quadrinhos Hulk, no seriado dos anos 1970 “O Incrível Hulk”, Ferrigno foi Mister Universo e instrutor de fitness em Hollywood. Entre os seus clientes esteve o cantor Michael Jackson, que lhe encomendou uma rotina de exercícios para ficar em forma durante a turnê “This is It”, que acabou não ocorrendo.

O ator soube levar a notícia na brincadeira. “Eu ainda vou viver por um longo tempo, garoto”, postou Lou no Twitter, em resposta aos boatos. Notícias assim acontecem com freqüência na internet, geralmente causando comoção entre os fãs e correria para os assessores dos astros.

Justin Bieber

O sucesso teen foi “assassinado” virtualmente em 2010, quando rumores na rede anunciavam um possível suicídio do cantor. “Comecei a checar os pulsos para ver se estava tudo bem. Eu não me sentia morto”, foi sua resposta.

Jackie Chan

O mestre da luta corpo-a-corpo no cinema vira e mexe é dado como morto na rede. O último boato foi em 2011, e ele teve que vir a público, mais uma vez, para desmentir.

Gretchen

A antiga rainha do rebolado sumiu das redes para se ocupar de sua loja em Paris, o que provocou comoção nas redes sociais, mas logo deu o ar da sua graça e comprovou que estava, sim, “por aí” no mundo dos vivos.

Roberto Bolaño

O saudoso Chávez, como Chan, é um dos favoritos dos assassinos virtuais. Desde 2008, ele e o filho comparecem regularmente ao Twitter para provar que o astro mexicano está vivo, a cada novo boato provocado por sua idade avançada.

Amin Khader

O promoter teve a morte anunciada e confirmada pelo ex-amicíssimo David Brasil, mas tudo não passava de uma pegadinha. Detalhe: o próprio Amin teria originado o boato para pregar uma peça em David, que, naturalmente, ficou bastante aborrecido.

Paul McCartney

O ex-beatle é uma das vítimas mais antigas das mortes anunciadas. Em 1966, boatos sobre um possível atropelamento do músico deram origem a toda sorte de teorias, inclusive aquela que é a mais famosa e divertida de todas: a de que ele teria sido substituído por um sósia para a banda continuar. A julgar pelos últimos discos dos Beatles e a carreira posterior de McCartney, estamos diante do sósia mais talentoso da história.