Log in

Bem-vindo Log out Alterar dados pessoais

Esqueceu a senha?

X

Qualquer dúvida click no link ao lado para contato com a Central de Atendimento ao Assinante

Esqueceu a senha?

X

Sua senha foi enviadad para o e-mail:

Após deixar o programa 'Pânico na Band', Sabrina Sato promete versatilidade na 'Record'

A mais nova estrela da emissora Record deve estrear seu programa solo de auditório em abril. Sabrina tem se dedicado a criar a atração que vai ao ar aos sábados

Sabrina Sato é a nova aposta da Record em 2014

Sabrina Sato é a nova aposta da Record em 2014 (Divulgação)

Após deixar a trupe do “Pânico na Band” (Band), com quem esteve por dez anos, Sabrina Sato, 33 anos, tornou-se uma das apostas da Record para 2014. A mais nova estrela do canal deve estrear seu programa solo em abril e já tem se dedicado, entre inúmeros compromissos, a criar a atração que vai ao ar nas noites de sábado.

“Será um programa de auditório, com reportagens e quadros no palco. Um deles terá o formato da FreemantleMedia”, adianta, referindo-se à produtora britânica responsável por sucesso como “Mega Senha” (Rede TV!) e “Ídolos” e “Got Talent Brasil”, da Record. “E vamos ter as sabrinetes, claro!”, diz, referindo-se às assistentes de palco.

Envolvida com os detalhes da atração, que ainda não tem nome definido, a apresentadora contará com a direção de Carlos César Filho, o Cesinha, ex-SBT. “Estamos fazendo reuniões de criação, pois grande parte do programa vai ser em estúdio. Além disso, estou ouvindo a opinião das pessoas na rua. Abordo elas perguntando: “O que você quer ver no meu programa?”', diverte-se.

Desafio

Será a primeira vez que Sabrina vai conduzir atrações no estúdio, receber convidados e ainda encarar sozinha uma plateia. “Estou com frio na barriga, mas também sinto que dará tudo certo, pois o que mais gosto é de estar junto do público”, comenta. Para encarar a rotina de um programa semanal e ainda driblar as possíveis críticas sobre sua desenvoltura como apresentadora, Sabrina tem recebido orientações da fonoaudióloga Vanessa Vieira. “Ando sempre com uma rolha na bolsa para fazer os exercícios que ajudam a melhorar a dicção. Eu falo rindo, e isso é bom, mas sou afobada, falo tudo rápido. Essa parte vou ter de tratar”.

Segundo a apresentadora, a decisão de deixar o “Pânico” foi apoiada por familiares e amigos. “Minha família sempre está comigo. Não foi fácil deixar o ‘Pânico’, pois convivemos muito tempo juntos. Alguns colegas do programa ficaram felizes com a minha escolha, outros não. É natural. Eu segui meu coração”, comenta ela, que recebeu muitas propostas quando estava com a trupe. “Nunca me interessei, nem parava para ouvir qual era a proposta. Mas desta vez foi diferente”, completa.

Conhecida por brincadeiras no “Pânico”, ela também apostará em reportagens emocionantes em seu novo programa. “Eu gosto de rir e de me emocionar quando assisto a TV. Já fiz gravações que me fizeram chorar, como a mudança de visual da Gorete”, diz, referindo-se à protagonista do quadro “Gorete Quer Ser Gisele”, exibido em 2010 pelo “Pânico na TV” (Rede TV!). “Então, quero que meu programa tenha esse conteúdo de humor e histórias que emocionam.”

Disposição

O que chega a assustar até mesmo quem trabalha com Sabrina Sato é sua disposição para cumprir uma agenda lotada de compromissos. Nesse período do ano, além das campanhas publicitárias e da chegada à Record, a apresentadora ainda cumpre a rotina de madrinha de bateria da escola de samba Gaviões da Fiel, em São Paulo, e de rainha de bateria da Unidos de Vila Isabel, no Rio de Janeiro.

“Eu amo o Carnaval! Gosto de ir às comunidades, visitar os barracões e ter contato com a energia que tem essa festa. Até fora de época, eu costumo escutar samba-enredo”. Segundo a apresentadora, a agenda lotada tem uma pausa quando o assunto é família. “Meus dias de folga são todos para a família. E, mesmo tarde da noite, gosto de chegar em casa e paparicar meu sobrinho recém-nascido”, diz, referindo-se a Felipe, de um mês, filho de sua irmã e empresária, Karina Sato.