Log in

Bem-vindo Log out Alterar dados pessoais

Esqueceu a senha?

X

Qualquer dúvida click no link ao lado para contato com a Central de Atendimento ao Assinante

Esqueceu a senha?

X

Sua senha foi enviadad para o e-mail:

Em meio a polêmica, empresário de Roberto Carlos afirma que ele ‘nunca foi vegetariano’

No recado, o empresário Dody Sirena ainda destaca que o cantor investe em gado e em produção de carne desde 2005. Confira abaixo o comunicado

O cantor Roberto Carlos continua vegetariano

O cantor Roberto Carlos nunca foi vegetariano, segundo afirmações de seu empresário (Reprodução/ Internet)

Desde que a propaganda da marca de carnes Friboi entrou no ar, muito se fala sobre o fato de Roberto Carlos ter topado fazer o comercial sendo apontado como vegetariano há mais de 30 anos. Muitas são as críticas ao novo trabalho do Rei.

Por conta disso, Dody Sirena, empresário de Roberto Carlos, usou sua página do Facebook para comentar o assunto. “Roberto Carlos nunca foi vegetariano, apenas não comeu carne vermelha durante muitos anos”.

No recado, Dody ainda destaca que o cantor investe em gado e em produção de carne desde 2005 e que há sete anos teria cogitado recolocar o alimento em seu cardápio. 

Confira abaixo o comunicado de Dody Sirena:

“Eu decidi que não ia falar sobre o assunto Roberto Carlos – Friboi. Vários veículos me procuraram e como eu já estava com uma viagem programada para tratar de assuntos do show em Las Vegas, resolvi não responder.

Agora fechando as malas para voltar, quero colocar apenas 3 pontos que ficaram mal explicados:

1- Roberto Carlos nunca foi vegetariano, apenas não comeu carne vermelha durante muitos anos.

2- Desde 2005 Roberto Carlos investe em gado, fato amplamente divulgado pela imprensa, com objetivo de produção de carne de qualidade.

3- Em 2006 ele começou a falar em voltar a comer carne e de fato voltou.

Diante disso qual a surpresa com a relação do Roberto com carne e produção de proteína animal? Está com um ótimo parceiro e o comercial é apenas o início de um longo relacionamento.”

*Com informações do site veja.com