Log in

Bem-vindo Log out Alterar dados pessoais

Esqueceu a senha?

X

Qualquer dúvida click no link ao lado para contato com a Central de Atendimento ao Assinante

Esqueceu a senha?

X

Sua senha foi enviadad para o e-mail:

Arena da Amazônia Vivaldo Lima é inaugurada em Manaus

O estádio multiuso, que será palco de quatro jogos da Copa do Mundo da FIFA, todos ainda da fase de grupos, foi aberta oficialmente neste domingo (9) com jogo da Copa Verde. O ACRITICA.COM acompanhou toda a movimentação, desde a abertura dos portões até o fim da partida entre Nacional e Remo

Anel superior da Arena será ocupado pela  Orquestra Amazônia Filarmônica

Anel superior da Arena será ocupado pela Orquestra Amazônia Filarmônica (Victor Affonso)

Após quase quatro anos e depois de duas datas reagendadas, a Arena da Amazônia Vivaldo Lima - estádio multiuso que aposentou o antigo Vivaldão, localizado na avenida Constantino Nery, Zona Centro-Sul de Manaus - foi inaugurada neste domingo (9), com o jogo entre Nacional, do Amazonas, e Remo, do Pará, em partida válido pelas quartas-de-final da Copa Verde.

A Arena local, palco de quatro jogos da fase de grupos da Copa do Mundo da Fifa - Inglaterra x Itália, Honduras x Suiça, Portugal x Estados Unidos e Croácia x Camarões - está sendo entregue com quase 98% das suas obras concluídas (faltam concluir os camarotes, por exemplo), mas será entregue à Fifa apenas em maio, o que dá tempo hábil de finalizar o que ainda resta.

O ACRITICA.COM acompanhou toda a movimentação, desde a abertura dos portões até o fim da partida entre Nacional e Remo.

A chegada dos primeiros torcedores

Com um forte esquema de segurança montado em perímetro de um quilômetro, torcedores chegaram ao estádio desde o início da tarde deste domingo. Equipes da Polícia Militar e do Manaustrans orientaram a população que se desloca até a Arena.

O jogo entre Nacional e Remo começou às 18h30, porém os portões foram abertos às 14h e a previsão é que 20 mil torcedores assistam a partida de abertura.

Foram comercializados 13 mil ingressos, além de outros 7 mil bilhetes que foram doados aos operários que trabalharam na obra da construtora Andrade Gutierrez S/A.

No local, policiais realizaram vistorias em todos os torcedores e funcionários para a liberação da entrada. Conforme informações divulgadas pela Unidade Gestora da Copa (UGP Copa), Secretaria de Segurança Pública (SSP) e Superintendência Municipal de Transporte Urbano (SMTU) durante a semana, cerca de dois mil policiais militares fizeram a segurança em toda a área.

“Criamos uma bolha de segurança em torno da Arena para garantir a segurança do torcedor. Este será o mesmo esquema de segurança que usaremos nos jogos da Copa”, disse o secretário da SSP, Paulo Vital.

A contenção do trânsito está sendo feita em quatro pontos: nas avenidas Constantino Nery (em frente ao clube Sírio Libanês), Djalma Batista (estação Rodoviária de Manaus), Lóris Cordovil (na entrada para o bairro Alvorada) e Pedro Teixeira (em frente à Praça de Alimentação do bairro). 

Várias torcidas organizadas do Remo montaram base na praça de alimentação do Dom Pedro. O anel superior da arena foi ocupado pela Orquestra Amazonas Filarmônica, que interpretrou o Hino Nacional. O sistema de iluminação (refletores), áudio (caixas de som) e vídeo (telão) funcionaram bem durante a partida. O trânsito apresentou focos de lentidão desde a manhã e após o jogo.

Placa inaugural

A placa inaugural foi lançada pelo prefeito de Manaus, Arthur Virgílio Neto, o governador do Amazonas, Omar Aziz junto a sua esposa, a primeira dama Nejmi Aziz, e o vice-governador, José Melo.

Também estavam presentes o Ministro dos Esportes Aldo Rebelo, os senadores Eduardo Braga, Vanessa Grazziotin e Alfredo Nascimento e o vice-governador José Melo. "É uma vitória do povo amazonense, vai ser uma festa linda", disse Omar Aziz. Miguel Capobiango, da UGP Copa, disse que não haverá jogo na quarta-feira em Manaus, os jogos testes serão todos aos domingos e ainda não tem previsão para o segundo jogo.

O Jogo

O Nacional Futebol Clube e o Remo, os dois Leões do Norte, duelaram na tarde deste domingo (9), na inauguração da Arena da Amazônia Vivaldo Lima. O time do Pará empatou com o Naça por 2 x 2 em jogo tomado pela emoção do público.

Com o resultado, o Nacional foi eliminado nas quartas de final da Copa Verde. No final da partida, foi entregue dois troféus pela participação dos clubes na abertura  Arena da Amazônia.

Galeria Digital: A evolução da Arena da Amazônia

Galeria Digital: O dia da inauguração