Log in

Bem-vindo Log out Alterar dados pessoais

Esqueceu a senha?

X

Qualquer dúvida click no link ao lado para contato com a Central de Atendimento ao Assinante

Esqueceu a senha?

X

Sua senha foi enviadad para o e-mail:

No Real, Navas comemora 'dia mais importante da carreira'

A assinatura do contrato encerrou com uma foto do novo merengue junto ao presidente Florentino Pérez e restantes membros da direção do Real. A seguir, Keylor Navas aproximou-se das bancadas para saudar e agradecer o carinho dos torcedores madridistas


Keylor Navas é apresentado como novo reforço do Real Madrid ao lado do presidente do clube, Florentino Pérez

Keylor Navas é apresentado como novo reforço do Real Madrid ao lado do presidente do clube, Florentino Pérez (REUTERS/Sergio Perez)

O goleiro da seleção da Costa Rica Keylor Navas foi oficializado nesta terça-feira (5) como novo goleiro do Real Madrid em uma apresentação lotada, classificada pelo jogador como o "dia mais importante da minha carreira".

Navas, de 27 anos, exibiu sua camisa com o número 13 ao lado do presidente do clube, Florentino Pérez, pouco depois de assinar o contrato por seis temporadas com o clube espanhol.

"Quero agradecer a Deus a oportunidade de transformar meu sonho em realidade... Tenho muita vontade de dar o máximo de mim e pertencer ao melhor clube do mundo", disse o goleiro, que antes jogava no Levante, no estádio Santiago Bernabéu, antes de entrar em campo e acenar aos milhares de torcedores presentes.

Pérez agradeceu a Navas por escolher o Real, mesmo após receber "várias ofertas de outros clubes importantes".

O "falcão" Navas, que chegou à Espanha em 2010, jogou dois anos pelo Albacete antes de ser transferido para o Levante, sendo eleito melhor goleiro do Campeonato Espanhol na última temporada.

A chegada do costarriquenho, um dos destaques do Mundial no Brasil, aquece o debate sobre quem vai ser o titular no gol do Real Madrid, posição ocupada nos últimos tempos pelo capitão da equipe e da seleção espanhola Iker Casillas, assim como pelo galego Diego López.

A mídia espanhola afirma que o clube resolveu manter Casillas, um ídolo do Real que tem sido severamente criticado nos últimos meses após uma série de erros e uma péssima atuação no Mundial.

López, que chegou ao Real proveniente do Sevilha em janeiro de 2013 para substituir um Casillas lesionado e foi titular por toda última temporada, possui contrato vigente até 2017.