Log in

Bem-vindo Log out Alterar dados pessoais

Esqueceu a senha?

X

Qualquer dúvida click no link ao lado para contato com a Central de Atendimento ao Assinante

Esqueceu a senha?

X

Sua senha foi enviadad para o e-mail:

Juiz espanhol acata pedido do Ministério Público e indicia Barça por fraude tributária

O caso está relacionado à transferência do jogador Neymar para o Barcelona. Na época, o clube anunciou um valor muito inferior à soma real paga pelo atacante

Sandro Rosell, presidente na época da realização da transferência de Neymar, pediu afastamento do cargo após o escândalo vir à tona

Sandro Rosell, presidente na época da realização da transferência de Neymar, pediu afastamento do cargo após o escândalo vir à tona (Reprodução/EFE)

O Barcelona foi indiciado por um tribunal espanhol sob a acusação de ter cometido fraude tributária na contratação do atacante brasileiro Neymar no ano passado, disse um porta-voz da corte nesta quinta-feira (20).

"O juiz Pablo Ruz indiciou o FC Barcelona com uma infração contra a autoridade tributária relacionada à compra do jogador brasileiro", disse o porta-voz da corte espanhola.

O indiciamento foi um pedido do promotor José Perals, do Ministério Público da Espanha, por suspeita de divergências entre o valor declarado e o valor real do montante pela transferência do craque brasileiro ao clube catalão.

O esquema, segundo o promotor, funcionaria com a existência de ‘contratos simulados’, feitos para enganar e fraudar o fisco espanhol.

O Barça negou ter cometido infrações depois que a imprensa local relatou na quarta-feira (19) que o promotor público pediu que o clube fosse acusado de ter cometido fraude.