Log in

Bem-vindo Log out Alterar dados pessoais

Esqueceu a senha?

X

Qualquer dúvida click no link ao lado para contato com a Central de Atendimento ao Assinante

Esqueceu a senha?

X

Sua senha foi enviadad para o e-mail:

Após prestar depoimento, torcedor que jogou banana em brasileiro é solto pela polícia

De acordo com a imprensa espanhola, ele seria funcionário do Villarreal, atuando nas divisões de base, mas já teria sido demitido. O clube, porém, não confirma nenhuma das informações

David Campayo Lleo, de 26 anos, seria um funcionário do Villareal que trabalha com as categorias de base

David Campayo Lleo, de 26 anos, seria um funcionário do Villareal que trabalha com as categorias de base (Reprodução)

A polícia espanhola anunciou nesta qyarta-feira (30) que prendeu o torcedor do Villarreal que atirou uma banana em Daniel Alves que jogava pelo Barcelona, no domingo (27), em rodada do Campeonato Espanhol. Trata-se de David Campayo Lleo, de 26 anos de idade.A detenção foi feita ontem. O jovem prestou depoimento e se encontra em liberdade.

O gesto foi enquadrado no Artigo 510 do Código Penal, que diz respeito à promoção de discriminação, ódio ou violência contra grupos ou associações por motivos racistas. O caso seguirá ainda para julgamento e há a possibilidade de ser arquivado.

O torcedor foi identificado no dia seguinte da partida e teve a carteira de sócio do clube suspensa. Além disso, foi proibido de entar no estádio. O Villarreal disse "lamentar e repudiar profundamente o incidente ocorrido na partida contra o Barcelona".

O ocorrido gerou reação em todo o Brasil, principalmente nas redes sociais com a campanha "#somostodosmacacos" lançada pelo jogador Neymar. A campanha publicitária criada pela agência Loducca foi, no entanto, criticada pelo movimento negro.

Nesta quarta-feira, a presidenta Dilma Rousseff disse que a Copa do Mundo no Brasil terá uma força muito grande na luta contra o preconceito.