Log in

Bem-vindo Log out Alterar dados pessoais

Esqueceu a senha?

X

Qualquer dúvida click no link ao lado para contato com a Central de Atendimento ao Assinante

Esqueceu a senha?

X

Sua senha foi enviadad para o e-mail:

Flamengo empata e termina rodada no Z-4 do Brasileirão

Sob gritos de 'time sem vergonha', o Flamengo deixoun o gramado do Morumbi após um empate magro de 1 a 1 contra o Figueirense pela 7º rodada do Brasileirão

Alecsandro abriu o placar no Morumbi contra o Figueirense

Alecsandro abriu o placar no Morumbi contra o Figueirense (Reprodução)

O Flamengo não saiu do empate de 1 a 1 contra o Figueirense e já cinco jogos sem saber o que é vitória no Brasileirão. A partida foi disputada na noite desta quinta-feira (29) no estádio Cícero Pompeu de Toledo, o Morumbi, em São Paulo.

O resultado desta 7º rodada do campeonato deixou o Flamengo com 7 pontos, na 17º colocação da tabela, na zona de rebaixamento, o famigerado Z-4. O Figueirense também está mal das pernas neste Brasileirão, e amarga a 19º posição, com 4 pontos.

O jogo

Impossibilitado de usar o Maracanã por conta da realização da Copa do Mundo, o Flamengo mandou seu jogo para o Morumbi, na capital paulista. Os torcedores cariocas que moram em São Paulo agradeceram e compareceram em bom número.

O gleiro Felipe foi barrado pelo técnico Ney Franco e perdeu a titularidade para o reserva Paulo Victor.

Foi o Fla que abriu o placar ainda no primeiro tempo com Alecsandro. O Atacante aproveitou cruzamento ruim de Samir pela esquerda, e não desperdiçou a chance para balançar a rede adversária de cabeça aos 20 minutos. Flamengo 1 a 0 Figueirense.

A alegria não durou muito. Um minuto após abrir vantagem o Flamengo deu vacilo em um rápido ataque do Figueira. Everaldo chutou forte e Paulo Victor deu rebote para o próprio Everaldo deixar tudo igual no Morumbi. Flamengo 1 a 1 Figueirense.

Após tomar o gol de empate, o Flamengo estagnou em campo. Sem conseguir criar jogadas objetivas de ataque. O Figueira mostrou um pouco mais de ânimo e se armou bem na defesa. O Flamengo só voltou a chegar próximo do gol de Thiago Volpi com cruzamentos na área.

Para tentar mudar a forma com que o Flamengo se comportava em campo, Ney Franco promoveu a entrada e Igor Sartori e Negueba no lugar de Elano e Luiz Antônio no intervalo do primeiro para segundo tempo.

Mesmo com um volume de jogo melhor durante toda a etapa final, o Flamengo ainda assim não conseguiu outro gol. Nem a entrada de Mugni no lugar de Igor Sartori mudou o placar. Fim de jogo amargo para o Flamengo no Brasileirão.

Flamengo

Paulo Victor; Leo Moura, Wallace, Samir e André Santos; Amaral, Marcio Araujo, Luiz Antonio e Elano; Paulinho e Alecsandro.

Técnico: Ney Franco.

Figueirense

Thiago Volpi; Leandro Silva, Thiago Heleno, Marquinhos e Guilherme Lazaroni; Paulo Roberto, Luan, Marco Antônio e Giovanni Augusto; Ricardo Bueno e Everaldo

Técnico: Guto Ferreira.

Trio de arbitragem

Thiago Duarte Peixoto (árbitro), Daniel Paulo Ziolli (auxiliar) e Anderson José de Moraes Coelho (auxiliar).


**Leia mais na edição de sexta-feira (30) do Jornal A CRÍTICA