Log in

Bem-vindo Log out Alterar dados pessoais

Esqueceu a senha?

X

Qualquer dúvida click no link ao lado para contato com a Central de Atendimento ao Assinante

Esqueceu a senha?

X

Sua senha foi enviadad para o e-mail:

Ex-atacante do Internacional, Fernandão morre em queda de helicóptero neste sábado (7)

Após passar uma tarde próximo a região dos lagos de Aruanã, divisa de Goiás com Mato Grosso, Fernandão e mais quatro amigos voltavam para a capital, Goiânia, quando o helicóptero onde viajavam caiu na madrugada deste sábado (7)

Fernandão com o amigo , Edmilson de Souza Leme, vereador goiano, no último registro antes da tragédia

Fernandão com o amigo , Edmilson de Souza Leme, vereador goiano, no último registro antes da tragédia (Reprodução Facebook)

Um acidente de helicóptero vitimou o ex-capitão do Internacional, Fernandão, de apenas 36 anos, e mais quatro pessoas na madrugada deste sábado (7). A aeronave caiu na região de Aruanã, interior de Goiás, por volta de 1h da manhã (horário de Brasília).

De acordo com informações do site UOL Esportes, Edmilson de Souza Leme – vereador pelo PSDB -, Antônio de Pádua, Lindomar Mendes Vieira e o piloto Milton Ananias, passaram a tarde de sexta feira-feira (6) na fazenda Aricá, próxima a Mato Grosso. Eles voltavam para Goiânia quando o helicóptero caiu.

Herói colorado

Um dos maiores ídolos do Internacional nos últimos anos, Fernandão iniciou carreira profissional no Goiás. Foi campeão gaúcho pelo Colorado em 2005 e 2008, campeão da Copa Libertadores da América em 2006, Campeão Mundial em 2006 e campeão da Re-Copa Sul-americana e 2007.

Além da forte liderança que exercia sobre o grupo de jogadores, Fernandão foi autor do gol número 1000 do clássico GreNal, que marcou em sua estreia pela camisa do Inter, o que o tornou um dos jogadores mais queridos da torcida instantaneamente. Lá, passou cinco anos até se transferir para o futebol árabe.

Lamento

Companheiro de ataque nos tempos de Inter, Rafael Sóbis, atualmente no Fluminense, lamentou a morte do amigo em entrevista ao canal Sportv. “"Para mim é absurdamente dolorida essa notícia. Estou perdendo um pai, um amigo, um cara dos mais importantes da minha vida no futebol. Um cara para quem eu ligava quando precisava de ajuda, meu padrinho de casamento. É um dia trágico para mim", disse Sóbis.

Nota oficial

Clube pelo qual mais se destacou,  a diretoria do Internacional lançou nota oficial sobre a morte de Fernandão:

O Sport Club Internacional e a nação colorada estão de luto. Fernando Lúcio da Costa, o Fernandão, perdeu a vida em um acidente de helicóptero ocorrido na madrugada deste sábado (7/6) em Aruanã-GO.

O momento é de profundo pesar pela partida prematura do ídolo de 36 anos, mas o que fica são lembranças gloriosas de um atacante que honrou a camisa do Internacional com seu espírito de liderança, sendo um dos jogadores mais importantes dos 105 anos do Clube.

Fernandão atuou em 190 partidas e marcou 77 gols – o primeiro deles, logo na sua estreia, em 2004, foi o de número 1000 da história do Gre-Nal. Nascido em Goiânia, mas plenamente identificado com Porto Alegre, foi o capitão do time nas inesquecíveis conquistas da Libertadores da América e do Mundial FIFA, ambas em 2006, e também desempenhou no Colorado as funções de diretor técnico, em 2011, e de treinador, em 2012. Os títulos do Gauchão (2005 e 2008) e da Recopa (2007) também fazem parte da sua trajetória.

O Clube do Povo se solidariza com a família e com todos os fãs de Fernandão. Força!