Log in

Bem-vindo Log out Alterar dados pessoais

Esqueceu a senha?

X

Qualquer dúvida click no link ao lado para contato com a Central de Atendimento ao Assinante

Esqueceu a senha?

X

Sua senha foi enviadad para o e-mail:

Circuito Cidade Manaus de Basquete de Rua revela os campeões da temporada

Última temporada do ano foi realizada pela Sejel no sábado (28) com a vitória das equipes juvenis Fly e Black and Whites

A terceira e última etapa da quarta edição do Circuito Cidade Manaus de Basquete de Rua consagrou neste sábado (28), na Quadra de Basquete Orlando Rebel, Zona Centro-Sul de Manaus, os grandes campeões do evento promovido pela Prefeitura de Manaus, por meio da Secretaria Municipal de Juventude, Esporte e Lazer (Semjel).

Pela categoria principal, Absoluto Masculino e Feminino, a Fly e Black and Whites dominaram o lugar mais alto do pódio respectivamente e levaram para casa um total de R$ 1 mil.

Os garotos da Fly protagonizaram a disputa mais acirrada do dia ao disputar a final com a equipe Flores. Depois de uma partida afiada, intensa e cheia de reviravoltas, a Fly garantiu o título depois de sobreviver a duas prorrogações.  

“Nossa equipe está muito feliz com a vitória. Focamos o tempo todo no título e seguramos os adversários. Não foi nada fácil, a outra equipe também batalhou muito, mas nós não deixamos de acreditar”, disse o armador da Fly, Fábio Luís, 33, que anota 21 anos como “cestinha” e dividiu a quadra com Lucas Leão e Silas Santos.

Favorita a ganhar o Circuito, a Black and Whites não decepcionou e superou a CPBS, fechando da melhor forma a temporada de “enterradas” 2013.

Todos aqueles que subiram ao pódio no Circuito pela Absoluto levaram premiação em dinheiro, sendo que o primeiro lugar ganhou R$ 1 mil, sendo R$ 500 para cada naipe; o segundo R$ 600, sendo R$ 300 para cada naipe; e o terceiro R$ 400, sendo R$ 200 para cada naipe.

Mais disputas

Na disputa da SUB-16, o Ceav faturou o primeiro lugar após derrotar os Dimess por 11 a 7. Um dos responsáveis pela vitória da equipe foi o pivô Vitor Sodré, que arremessou algumas bolas em prol da equipe.

“A partida foi muito difícil, mas chegamos aqui com um objetivo e focamos o tempo inteiro. Fizemos três jogos hoje (ontem) e graças a Deus eu ajudei a minha equipe em todas as partidas e principalmente na final, que foi a mais cansativa”, disse Sodré.

Representando muito bem os iniciantes e sabendo aproveitar os erros dos adversários, a For Fitness deu show em quadra e marcou 10 a 5 em cima da NSG e venceu o Circuito na categoria SUB-10. Mostrando maturidade a agilidade na competição, o destaque da equipe foi Arthur Moreira, que aos 11 anos de idade conta com um técnico dentro de casa a qualquer hora do dia.

“Eu fiquei um pouco ralado deste jogo, mas valeu a pena, pois nossa equipe queria muito vencer. Além disso, tinha que fazer bonito, pois se não iria levar uma bronca do meu irmão, que é meu técnico e é bastante exigente. Tenho certeza que ele está orgulhoso de mim agora”,disse Arthur, ao receber os cumprimentos do irmão André, de 14 anos.

“O Arthur é bem esforçado e se interessou pelo basquete pois eu sempre ficava em casa jogando e participava das competições. Ele vem crescendo em quadra e com esforço tenho certeza que ele vai se dar bem no Circuito do ano que vem também. Sou um técnico que aperreia muito, mas é para o bem dele”, considerou André, que atua pela SUB-14.

Para o titular da Semjel, Fabrício Lima, a quarta edição do Circuito de Basquete de Rua mostrou a evolução das equipes e deixa a promessa que para 2014 as disputas serão ainda mais acirradas.

“Graças a Deus tivemos um excelente Circuito este ano e que mostrou a força das equipes amazonenses em quadra. Tivemos disputas em todas as etapas com alto grau técnico e com jogadores realmente dispostos a mostrar seu melhor. Sabemos da dedicação desses meninos e para ano que vem esperamos um Circuito ainda mais surpreendente e com certeza vamos preparar surpresas para as equipes. Além disso, em 2014 já estamos prosperando um número maior na competição. Nesta etapa tivemos quase 200 jogadores, e esta quantidade deve aumentar”, comentou Lima.