Log in

Bem-vindo Log out Alterar dados pessoais

Esqueceu a senha?

X

Qualquer dúvida click no link ao lado para contato com a Central de Atendimento ao Assinante

Esqueceu a senha?

X

Sua senha foi enviadad para o e-mail:

A disputa do 3º lugar na Copa é sonho para Felipão e um pesadelo para Van Gaal

Os técnicos derrotados nas semifinais do Mundial têm opiniões bastante divergentes quanto ao jogo que decidirá a medalha de bronze do torneio

Os dois treinadores finalmente se enfrentarão nesta Copa.

Os dois treinadores finalmente se enfrentarão nesta Copa. (Reprodução/internet)

Depois de ver sua equipe ser eliminada nos pênaltis para a Argentina nesta quarta-feira (9), o treinador da Seleção da Holanda, Louis van Gaal, vê o jogo que valerá a terceira posição no torneio desnecessário. Por outro lado, Luiz Felipe Scolari, diz que seria um “novo sonho” para o Brasil, a conquista do terceiro lugar na Copa.

Logo após o vexame do “Mineirazo”, Felipão foi aos microfones na coletiva de imprensa e tentou reanimar a torcida brasileira, fazendo uma verdadeira convocação aos fãs da Seleção. “A Copa não acabou ainda. Agora vamos trabalhar para montar o time para o jogo de sábado, que também passa a ser importante para nós. Um novo sonho que temos: terminar a Copa em terceiro lugar", dissera o treinador.

O comandante holandês, desafeto confesso do treinador gaúcho, se vê em desvantagem no confronto. “Este jogo nunca deveria ser jogado, já disse isso há dez anos, mas, enfim, vamos jogar. É injusto também, temos um dia a menos para nos preparar, isso não é fair play.", reclamou Van Gaal.

Com a soberba de sempre, o técnico dos “Laranjas” continuou seu raciocínio. “O pior de tudo, na minha opinião, é que você tem a possibilidade de perder duas vezes, e, em um torneio que você fez excelente campanha, acaba indo embora como perdedor. Nas etapas finais de um torneio, os jogadores não deveriam jogar pelo terceiro lugar, porque só há um prêmio, que é o de ser campeão.", finalizou o treinador.

Velhos inimigos

Felipão e Van Gaal se estranham desde 1995, quando os treinadores disputaram a final de clubes, no estádio Olímpico de Tóquio. Naquela época Grêmio e Ajax empataram em 0 a 0, e na disputa de penalidades, os holandeses se saíram melhor e se sagraram campeões intercontinentais.


Ainda na primeira fase da Copa do Mundo no Brasil, o treinador holandês chegou a dizer que o Brasil não iria querer enfrentar a Holanda. Dando a entender que iria escolher um adversário mais fraco para as oitavas de final. Felipão em resposta chamou indiretamente Van Gaal de burro e mal intencionado.

O encontro entre os dois treinadores mais turrões e teimosos deste Mundial está marcado para o próximo sábado (12), às 17h (hora de Manaus). Brasil e Holanda se enfrentaram na Copa da África, em 2010. Sendo que os holandeses eliminaram a Seleção Canarinho do torneio por 2 a 1, nas oitavas de final da competição.