Log in

Bem-vindo Log out Alterar dados pessoais

Esqueceu a senha?

X

Qualquer dúvida click no link ao lado para contato com a Central de Atendimento ao Assinante

Esqueceu a senha?

X

Sua senha foi enviadad para o e-mail:

Domingo de grandes duelos nos gramados por todo o Brasil

Fla-Flu no Rio; Clássico Majestoso em São Paulo; Galo X Raposa em Minas e Ba-Vi em Salvador. Torcida brasileira esquenta as turbinas há um mês do ponta pé inicial da Copa do Mundo.


Maracanã recebe mais um FlaXFlu

Maracanã recebe mais um Fla x Flu (null)

O Brasil entra de vez no clima de Copa do Mundo contagiado por clássicos estaduais no sudeste e nordeste do País. Faltando pouco mais de um mês para o início da maior competição de futebol do planeta, as torcidas de Rio de Janeiro, São Paulo, Minas Gerais e Bahia fazem festa e lotam os estádios no domingo do Dia das Mães (11). Alegria de alguns, tristezas de outros a verdade é que os confrontos estaduais agitam o torcedor brasileiro e servem de termômetro para o início da Copa do próximo dia 12 de junho.

Palco da abertura da Copa oficialmente inaugurado

O Itaquerão, estádio da abertura do mundial, onde a Seleção Brasileira enfrentará a seleção da Croácia no dia 12 de junho, foi inaugurado na manhã deste sábado (10), com uma partida fora do padrão Fifa. Uma verdadeira festa feita para cerca de 20 mil torcedores do Corinthians assistirem mais de 100 ex-jogadores do Timão se apresentarem em mini-partidas de 15 minutos cada.

Com equipes formadas por craques do passado e jogadores que ainda nem estrearam na equipe em 2014, no caso o volante Elias (ex-Flamengo), o Itaquerão teve a honra de ter como o seu primeiro goleador oficial o ex-craque do time, Rivelino. O gol foi marcado após outro ex-craque do Parque São Jorge, o atacante Basílio, sofrer penalte. Com a categoria de sempre, Riva foi lá e deslocou o ex-goleiro Ronaldo, outro ídolo da Fiel.    

No Fla X Flu, deu Flu com gol de Fred

Com um gol de Fred - atacante da Seleção pra Copa do Mundo - no primeiro tempo, e outro de Chiquinho no segundo, o Fluminense despachou o Flamengo pra borda do Z-4 do Brasileirão 2014. O Rubro Negro caiu para 16ª posição na tabela e agora está a apenas uma posição de entrar na zona de rabaixamento do campeonato.

Com apenas duas chances reais de gol, o Tricolor das Laranjeiras foi perfeito nas conclusões à meta do Mengão. Já o time de Jayme de Almeida, que teve até mais chances de marcar - foram três lances de gol – não aproveitou as chances e saiu do Maracanã derrotado.

Com a vitória o Fluminense chegou a vice-liderança da competição com nove pontos, e viaja até Porto Alegre no próximo fim de semana para enfrentar o Tricolor Gaúcho na Arena Grêmio. Já o Flamengo continua no Rio de Janeiro e receberá outro tricolor, dessa vez o São Paulo.

Nervos à flor da pele no Clássico Majestoso


Na Arena Barueri – já que o Morumbi foi locado para o show da banda One Direction - duelaram São Paulo e Corinthians pela quarta rodada do Braileirão. Num jogo muito tenso, tanto dentro de campo, como no banco de reservas entre os treinadores, tricolores e corintianos ficaram no empate de 1 a 1, com os gols saindo apenas na etapa final. O Timão saiu na frente com o lateral Fagner aos 3 minutos, mas o Corinthians recuou demais, cedendo empate aos 37 minutos, com o gol de Luís Fabiano.

Muito empurra-empurra e bate-boca entre os jogadores em campo, o clássico foi marcado pelo nesvosismo. O árbitro da partida poderia ter expulsado jogadores de ambas as equipes, mas preferiu usar apenas o cartão amarelo.

Com a igualdade no placar, o Timão está na terceira colocação na tabela e antes de receber o Figueirense na primeira partida oficial em sua nova Arena, pela quinta rodada, viaja até Curitiba para o amistoso de reinauguração da Arena da Baixada contra o Atlético-PR. Já o São Paulo está na décima posição na tabela e vai até o Maracanã pegar o Flamengo.

Galo de recupera e bate os revervas da Raposa no Independência


Com um público reduzido o Atlético-MG venceu de virada o Cruzeiro na última partida no estádio Independência antes da Copa. Mesmo com um time cheio de reservas, já que a equipe principal foi poupada para o jogo da próxima quarta-feira pela Libertadores contra o San Lorenzo, a Raposa abriu o placar com Marcelo Moreno. O Galo empatou com Marion e André fez o gol da vitória atleticana.

No final da partida jogadores do Cruzeiro, juntamente com o técnico Marcelo Oliveira, cercaram o árbitro da partida, Héber Roberto Lopes para reclamar de lance de pênalti envolvendo os zagueiros Léo e Leonardo Silva, além da expulsão de Luan.

Com a virada o Galo somou três pontos, saiu da zona de rebaixamento e agora está na décima quinta colocação. Na próxima rodada viaja até a Arena Pantanal para enfrentar o Santos. Enquanto isso, a Raposa saiu do G-4 e ficou na quinta posição. No sábado, dia 17, o Cruzeiro recebe o Coritiba no Mineirão.

Tabu mantido no Ba-Vi


Em jogo pegado, dramátido , corrido, como não poderia deixar de ser um Bahia X Vitória quem saiu com o sorriso no rosto foi o torcedor tricolor da Boa Terra. Além de manter um tabu de oito jogos contra o maior rival o Bahia ainda confirma a boa fase no brasileirão, está a três partidas invicto. Já pelos lados rubro negros a tristeza era visível após estar na frente do placar até o final do jogo e ter cedido o empate.

Cerca de 25 mil torcedores compareceram a Fonte Nova para prestigiar o clássico. Alegria de Sousa pelo gol só foi contida pela euforia da torcida tricolor baiana com o gol no final da partida do garoto Pará. Com o empate o Vitória caiu para a décima colocação enquanto o Bahia entrou no G-4 com sete pontos. Bahia vai até a Ilha do Retiro enfrentar o Sport, enquanto o Vitória recebe o Palmeiras no Estádio Pituaçu, pela quinta rodada do Brasileirão 2014.