Log in

Bem-vindo Log out Alterar dados pessoais

Esqueceu a senha?

X

Qualquer dúvida click no link ao lado para contato com a Central de Atendimento ao Assinante

Esqueceu a senha?

X

Sua senha foi enviadad para o e-mail:

Luta olímpica: dupla amazonense disputa vaga nos Jogos Sul-Americanos

Waldeci Silva e Allan Ferreira embarcam para o Rio de Janeiro em busca do sonho de competir nas Olimpíadas de 2016

Allan Ferreira e Waldeci Silva

Allan Ferreira e Waldeci Silva querem garantir vaga na seleção brasileira de luta olímpica (Michael Dantas/Sejel)

Os amazonenses Waldeci Silva e Allan Ferreira disputarão, neste domingo, 12 de janeiro, no ginásio do Cefan, Rio de Janeiro, a seletiva para os Jogos Sul-Americanos de Luta Olímpica que acontecerão em Santiago, Chile, no mês de março. O evento é chancelado pela Confederação Brasileira de Lutas Associadas (CBLA). A equipe amazonense viaja nesta quinta-feira, 9, com o apoio do Governo do Amazonas, por meio da Secretaria de Estado da Juventude, Desporto e Lazer (Sejel).

Atleta do Centro de Treinamento de Alto Rendimento da Amazônia (CTARA), Waldeci Silva, que era titular da seleção na categoria até 60 kg, desta vez terá que disputar uma vaga na disputa até 65 kg – sua antiga categoria foi extinta dos Jogos Olímpicos.  “Vou pra cima deles, pois esse é um passo importante na minha carreira. Os caras são muito bons, mas treinei bastante, sem Natal e Ano Novo, focado nesse objetivo”, declarou Waldeci, campeão brasileiro e vice na Copa Brasil Internacional de Luta Olímpica, ambos em 2013.

O atual titular da seleção na categoria até 65 kg é o paulista Rafael Aparecido. Willian Nain é o reserva e, para superá-los, Waldeci terá que ganhar pelo menos 10 quilos para depois perder cinco quilos. “Os caras de ponta fazem isso e têm um bom rendimento na hora de lutar”, explicou.

Para Allan Ferreira, titular da categoria até 74 kg, o grande desafio será manter a vaga no time canarinho. Com três meses de intensos treinos, ele garante que continuará vestindo a camisa verde e amarela. “Dá para garantir, estou ansioso para que chegue logo o dia”, destacou Allan, que também é o atual campeão brasileiro na categoria.

* Com informações da Secretaria de Estado da Juventude, Desporto e Lazer (Sejel).