Log in

Bem-vindo Log out Alterar dados pessoais

Esqueceu a senha?

X

Qualquer dúvida click no link ao lado para contato com a Central de Atendimento ao Assinante

Esqueceu a senha?

X

Sua senha foi enviadad para o e-mail:

Naça ‘estraçalha’ em jogo-treino no CT Barbosa Filho

Atacante Leonardo não perdoa Atletas de Cristo e faz 5 gols na goleada de 8 a 0 do Nacional; vice-presidente entrou com pedido na FAF para adiar partida contra o Borbense para domingo (2)

Arrasador: com menos de 20 minutos, Leonardo já havia marcado 3 gols

Arrasador: com menos de 20 minutos, Leonardo já havia marcado 3 gols (Winnetou Almeida, Divulgação e Arquivo/AC)

Com cinco gols do atacante Leonardo, que está “afiado” para brigar pela artilharia do Campeonato Amazonense de 2014, o Nacional venceu a equipe dos Atletas de Cristo neste final de semana por 8 a 0, em jogo treino realizado no Centro de Treinamento Barbosa Filho, Zona Leste de Manaus. Apesar da fragilidade do adversário, o Naça jogou com seriedade buscando a melhor formação para a estreia no Estadual no próximo sábado, no estádio Francisco Garcia em Rio Preto da Eva (a 68 quilômetros de Manaus), contra o Nacional Borbense.

Além de Leonardo, que foi o destaque da partida, marcaram para o Leão da Vila Municipal, o meia-atacante Chapinha - que armou as principais jogadas ofensivas do time azulino -, Éder e Jeferson Recife, que praticamente conquistou a vaga de titular no ataque.

Demonstrando muita velocidade e preciso nas finalizações, com menos de 20 minutos de partida o atacante Leonardo já havia marcado três gols contra os Atletas de Cristo. Ao final do jogo-treino, ele disse que estava feliz com o seu desempenho.

“Os gols dão confiança e estou bem nas finalizações dos treinamentos. A preparação foi boa. Estou me sentindo bem para a estreia contra o Nacional Borbense e espero que o ‘Índio Negro’ esteja num dia abençoado para fazer os gols. A cada treino está melhorando o entrosamento na frente com o Jeferson Recife”, avaliou Leonardo.

Com técnica apurada e passes precisos, o meia-atacante Chapinha também vem demonstrando que veio para fazer a diferença no meio-de-campo nacionalino.

“Fizemos cinco jogos amistosos e o time está respondendo bem nesse início de temporada. Queremos fazer um grande campeonato. Independente da fragilidade do adversário, o importante foi a movimentação da equipe. Ano passado fiz 24 gols jogando pelo Icasa e pelo Nacional vou dar o meu melhor para também marcar gols aqui. A torcida pode esperar que Chapinha vai dar o seu máximo dentro de campo”, prometeu Chapinha.

Para o técnico Francisco Diá, independente do resultado com placar dilatado o mais importante foi a movimentação do time que está com 90% dos jogadores definidos para a estreia. “Era um time amador que não deu resistência e não serve como avaliação. Tive a oportunidade de testar os volantes Ramon e Romário, que serão muito úteis neste campeonato. Vamos pedir à diretoria a contratação de mais um atacante. O Jeferson vem bem e está com chances de começar jogando”, disse Diá.

Mudança de planos
O vice-presidente do Nacional, Manoel do Carmo Chaves, o Maneca, vai enviar ofício hoje para a Federação Amazonense de Futebol (FAF) visando transferir o jogo contra o Nacional Borbense marcado para o sábado (1º), para o domingo para evitar prejuízos financeiros para o clube.

“Vamos entrar em contato com o Ivan Guimarães (diretor de futebol da FAF), amanhã (hoje) sugerindo a mudança da partida para o domingo. O apelo também é dos torcedores do Nacional que querem se deslocar para lá e, no sábado, é complicado porque muitos ainda estarão trabalhando. No domingo teríamos uma renda melhor e evitaríamos prejuízos financeiros tendo dinheiro ao menos para pagar as despesas”, afirmou Maneca.