Log in

Bem-vindo Log out Alterar dados pessoais

Esqueceu a senha?

X

Qualquer dúvida click no link ao lado para contato com a Central de Atendimento ao Assinante

Esqueceu a senha?

X

Sua senha foi enviadad para o e-mail:

Técnico da seleção inglesa virá a Manaus em fevereiro

Roy Hodgson, que criticou o despreparo de Manaus para sediar jogos da Copa do Mundo, virá à capital no próximo mês. Governador Omar Aziz diz que ele terá "recepção calorosa"

Obras da Arena estão fase final

Obras da Arena estão fase final (Divulgação/ Agecom)

A vinda do técnico inglês Roy Hodgson a Manaus foi confirmada nesta quarta-feira pelo governador Omar Aziz, após ter recebido uma carta do treinador. No documento enviado ao Executivo, o treinador fala da expectativa em poder vir para a cidade e também afirma que em junho a seleção inglesa ficará quatro dias na capital do Amazonas. Em dezembro passado, Hodgson havia criticado a escolha de Manaus para ser uma das sedes da Copa do Mundo no Brasil em função da distância geográfica e das altas temperaturas.

“Vamos receber os ingleses com o carinho e o calor humano peculiares aos amazonenses. Temos belezas naturais a mostrar, costumes e uma culinária singular que enriquecerão as expectativas de vida e profissionais dos jogadores e equipe técnica”, disse o governador, que recebeu com satisfação a carta do técnico da seleção de futebol da Inglaterra.

Na carta de duas páginas, Hodgson menciona que a vinda à Manaus “será um dos momentos mais esperados do torneio para nós (seleção da Inglaterra)”. O treinador também comenta sua motivação pessoal em realizar esta viagem, cuja comitiva contará inclusive com a presença de diplomatas britânicos. “Eu estou particularmente propenso em fazer contato com o Senhor depois das notícias proferidas pela imprensa no ano passado. Eu gostaria de deixar registrado que eu estou ansioso para visitar a sua cidade, aprender sobre a cultura e a história e, claro, conhecer as pessoas!”, afirmou o técnico.

A data da vinda da delegação a Manaus, no mês de fevereiro, ainda não está confirmada. A exemplo do técnico da seleção norte-americana, Jurgen Klinsmann, que visitou a Arena da Amazônia, a comitiva também incluiu o estádio da Copa na programação de visitas. A Arena tem previsão para ser inaugurada também em fevereiro.