Log in

Bem-vindo Log out Alterar dados pessoais

Esqueceu a senha?

X

Qualquer dúvida click no link ao lado para contato com a Central de Atendimento ao Assinante

Esqueceu a senha?

X

Sua senha foi enviadad para o e-mail:

Após 11ª rodada da Série A do Brasileirão, Cruzeiro segue ainda mais firme na liderança

O Mengão caiu de quatro no Beira-Rio e continua na rabeira da tabela, enquanto o Cruzeiro segue mais líder do que nunca depois de bater o Verdão no Pacaembu

Cruzeiro vence e se isola ainda mais na ponta do Brasileirão 2014.

Cruzeiro vence e se isola ainda mais na ponta do Brasileirão 2014. (Reprodução/internet)

O Brasileirão 2014 continua firme depois da Copa. A escolha do novo comandante da Seleção Brasileira pode até ser uma dúvida até a terça-feira (22), mas o que não é mistério pra ninguém é a boa fase da Cruzeiro no campeonato nacional. Na parte de baixo da tabela, continua o calvário rubro-negro. O Flamengo de Ney Franco foi goleado impiedosamente pelo Internacional e amarga firmemente posição perigosa.

O domingão de bola rolando começou com um empate sem gols entre Vitória e Corinthians no Barradão, em Salvador. Com o resultado, O Timão continua na segunda posição do campeonato, com 20 pontos, enquanto os baianos entraram na zona de rebaixamento, com oito pontos na 17ª posição.

Imitando o resultado do Barradão, Goiás e Sport também não tiraram o zero do placar do estádio Serra Dourada, em Goiânia. O time pernambucano jogava visivelmente para não perder, enquanto o Esmeraldino não teve a técnica suficiente para superar o bloqueio do Sport.

O Leão pernambucano chegou aos 18 pontos, figurando na oitava posição da tabela. Já o Goiás permaneceu na mesma: com 17 pontos, na 10ª colocação no Brasileirão.

No estádio do Pacaembu, o Cruzeiro voltou a jogar bonito. A Raposa atropelou o Palmeiras nos primeiros 30 minutos de jogo e marcou dois gols. Depois, diminuiu o ritmo e, mesmo assim, conquistou mais três pontos. O Verdão, do técnico argentino, Ricardo Gareca não teve forças nem categoria pra reverter o placar e segue sua rotina de maus resultados.

Com mais uma vitória fora de casa, o Cruzeiro se isolou na ponta da tabela, com 25 pontos ganhos. Já o Verdão, amarga a 12ª colocação, com 13 pontos ganhos.


Assim como o Palmeiras, outro que não vai nada bem no Brasileirão é o Flamengo. O Clube da Gávea foi até Porto Alegre, visitar o Internacional e foi massacrado por 4 a 0. O time do técnico Ney Franco segura firme a lanterna do campeonato, com apenas sete pontos conquistados.

A torcida do clube carioca chegou ao extremo e agrediu o lateral André Santos na saída do Beira-Rio. Com a goleada aplicada sobre o rubro-negro, o Colorado chegou aos 19 pontos, e não consta no G-4, apenas por ter marcado menos gols que o Atlético Paranaense.

Por falar em Atlético-PR, o Furacão alcançou o tão sonhado lugar entre os quatro melhores clubes na tabela depois de bater o Criciúma. Mesmo com a Arena da Baixada vazia, por conta da punição sofrida pela briga com os torcedores do Vasco, a equipe paranaense jogou bem e venceu por 2 a 0.

Com gols de Marcelo e Douglas Coutinho, o Furacão chegou aos 19 pontos e vigora na quarta posição do campeonato. Enquanto o Tigre ficou na 14ª colocação com 11 pontos ganhos.


Num jogo muito equilibrado, onde vingou mais uma vez a categoria do argentino Dario Conca, o Fluminense venceu o Santos, em Volta Redonda, no Rio. Com um golaço de fora da área, o camisa 11 do Flu colocou o Tricolor no G-4, com 19 pontos e na terceira posição na tabela. O clube santista por sua vez, caiu quatro posições e agora ocupa a nona colocação no campeonato, com 17 pontos conquistados.


Jogos de sábado

A 11ª do Campeonato Brasileiro teve início no sábado (19), com quatro partidas. O São Paulo foi surpreendido pela Chapecoense em pleno estádio do Morumbi e foi derrotado por 1 a 0. Mais de 43 mil torcedores foram ao estádio apoiar a equipe que vinha de uma bela vitória fora de casa contra o Bahia.

Porém, os catarinenses foram pacientes e aproveitaram uma das poucas chances que tiveram no jogo. O volante Ricardo Conceição marcou aos 11 minutos de jogo e selou o placar da partida. Com o resultado a Chapecoense chegou aos 11 pontos na 15ª posição, enquanto o Tricolor Paulista ficou com 19 pontos ganhos e está na sexta colocação na tabela.

O Bahia foi ao Horto e não caiu. O empate em 1 a 1 diante do Atlético-MG saiu de bom tamanho paras ambas as equipes que dominaram um tempo cada uma. Os baianos sairam na frente com Titi, enquanto Luan igualou o marcador para os mineiros.

Com o empate, o Galo permanece na 11ª posição com 15 pontos. Já o Tricolor de Aço, dá uma respirada e segue fora da “zona da degola”, na 16ª colocação com apenas nove pontos.


Também no sábado (19), o Figueirense recebeu o Grêmio, no estádio Orlando Scarpelli, em Floroanópolis, e foi derrotado em casa. Com o tento marcado por Giuliano, o Tricolor quebrou um jejum de vitórias e de gols. Pois, não marcava desde sua última vitória diante do Botafogo na sexta rodada.

Com o revés, o Figueira continua na zona perigosa, com sete pontos, na 18ª posição. Já o Grêmio chegou aos 19 pontos, mas fica na sétima colocação por conta dos critérios de desempate.

Último jogo do sabadão de futebol ocorreu no acanhado estádio Raulino de Oliveira, em Volta Redonda. Onde o Botafogo bateu, em jogo sofrível, o Coritiba por 1 a 0, gol de Bolatti. Diante de pouco mais de 1,4 mil torcedores, o Fogão perdeu até pênalti, mas saiu com os três pontos.

Com o resultado, o time carioca afasta-se do Z-4 chegando aos 12 pontos, na 13ª posição. Já o Coxa, segue na vice-lanterna com sete pontos ganhos.

Próxima rodada

A 12ª rodada do Brasileirão só acontece no próximo final de semana, com quatro jogos no sábado. São eles: Santos X Chapecoense, na Vila Belmiro, em São Paulo; Cruzeiro X Figueirense, no Mineirão, em Minas; Criciúma X Vitória, no Heriberto Hulse, em Criciúma e Bahia X Inter-RS, na Fonte Nova, em Salvador.

No domingo mais seis partidas: Sport X Atlético-MG, na Ilha do Retiro, no Recife; Goiás X São Paulo, no Serra Dourada, em Goiânia; Atlético-PR X Fluminense, na Arena da Baixada, em Curitiba; Grêmio X Coritiba, na Arena Grêmio, em Porto Alegre, e pra por fogo na tabela, dois super clássicos estaduais.

O Flamengo, em crise, pega o Botafogo no Maracanã na primeira após a final da Copa do Mundo. E, no Itaquerão, o Corinthians recebe o Palmeiras, em situação nada confortável no campeonato. O próximo fim de semana promete ser de grandes emoções para o futebol brasileiro.