Log in

Bem-vindo Log out Alterar dados pessoais

Esqueceu a senha?

X

Qualquer dúvida click no link ao lado para contato com a Central de Atendimento ao Assinante

Esqueceu a senha?

X

Sua senha foi enviadad para o e-mail:

Princesa começa vencendo, mas cede a virada contra o Santos de Macapá na estreia da Série D

Com gol de Branco aos 28 minutos do primeiro tempo, o Tubarão saiu na frente contra o time do Amapá. Porém, tomou um tento aos 46 minutos da etapa final e foi derrotado

Princesa e Santos se enfrentaram pela terceira vez este ano. Desta vez o time do Amapá saiu vencedor.

Princesa e Santos se enfrentaram pela terceira vez este ano. Desta vez o time do Amapá saiu vencedor. (Divulgação/Michael Dantas)

O Princesa do Solimões, equipe de Manacapuru (distante 68 quilômetros de Manaus), começou até bem a partida deste domingo (20), contra o Santos do Amapá, no estádio Milton de Souza Correa, o Zerão, na sua estreia na érie D do Campeonato Brasileiro: saiu na frente e terminou o primeiro tempo com o placar marcando 1 a 0, mas entrou um Santos diferente na segunda etapa e cedeu a virada, começando o torneio sem conseguir pontos.Agora o Tubarão do Amazonas tenta se recuperar contra o Rio Branco do Acre, no próximo dia 27 de julho, em Manaus.

O Tubarão começou o jogo como se esperava: atacando o adversário. Marcando bem no meio de campo e aproveitando bem as jogadas pelas laterias, com toque de bola rápido e preciso, o Princesa teve tudo pra sair do estádio Zerão com três pontos. O Peixeda Amazônia (apelido do Santos do Amapá), quase não saiu de seu campo defensivo. As ações foram todas do time amazonense, mas que não conseguiu transformar em gols todas as chances que criou.

O time amazonense fez 1 a 0 com o atacante Branco, aos 28 minutos da etapa inicial, e por diversas vezes teve chances de ampliar o placar. O Santos, por sua vez se segurou até o término do primeiro tempo.

No segundo tempo o jogo foi outro. O time comandado por Charles Guerreiro, caiu bruscamente de produção e levou um verdadeiro sufoco do Santos amapaense. Principalmente com a entrada do atacante Jean Marabaixo, de 36 anos. O veterando jogador, botou fogo no jogo e em dois lances ajudou sua equipe a conseguir a virada. 

Aos 15 minutos , depois de tentar por diversas vezes, Jean fez boa jogada e deixou para Evérton, que colocou no ângulo do goleiro Paulo Wanzeler, que nada pode fazer. O gol do Santos deixou a equipe do Princesa atordoada e o time demorou a se recuperar. As modificações do treinador do Tubarão não ajudaram o time a sair de trás e tentar voltar pro jogo.

Michel Parintins e Somália simplesmente sumiram do jogo. As entradas de Marinelson no lugar de Branco, e de Delciney na vaga de Magno, assim como de Loirinho do lugar de Flamel, pouco mudaram o panorama da partida. O Santos seguiu explorando as falhas do setor defensivo do time de Manacapuru.

A falta de empenho do Princesa foi castigado aos 46 minutos do segundo tempo, quando o mesmo Jean Marabaixo usou a cabeça para virar o jogo e dar a vitória ao clube do Amapá. Com a derrota, o Princesa sai de Macapá com o sentimento duplo de derrota, pois poderia ter começado a competição com um resultado melhor.

O próximo compromisso do Tubarão será no próximo domingo (27), contra o Rio Branco do Acre. A partida está previamente marcada para o estádio Ismael Benigno, a Colina, às 16h. 

  

LANCE A LANCE EM TEMPO REAL

45'30 - GOOOOOOOOOOOLLLLL!!! Do Santos!! Jean Marabaixo entrou pra por fogo na partida e ajudar a virar o jogo. De cabeça, o atacante aproveita mais uma falha da defesa do Tubarão e consegue reverter o placar. Deu bobeira o Princesa.

44'00 - Tubarão chega com He-man pela direita, tenta o cruzamento na área, mas Somália não estava posicionado para o cabeceio. Segue o empate. O Princesa vai ganhando 1 ponto, mas poderia sair do Zerão com 3 pontos.

43'00 - Delrick carrega a bola, mas perde. O Santos quase emenda o contra ataque com Acosta. O Princesa não pode dar bobeira nos minutos finais da partida.

41'15 - Acosta recebe e sofre o contato, o juiz marcou a falta que é perigosa. Lá vem o Santos. 

40'00 - SUBSTITUIÇÃO NO SANTOS-AP: Sai o autor do gol do Santos, Everton, entra o experiente e rodado uruguaio Acosta. 

38'30 - O Tubarão resolve voltar pro jogo, Lourinho tenta a enfiada, mas Michel não entendeu e a jogada não saiu. Segue 1 a 1.

37'00 - O segundo tempo segue com o Princesa pouco inspirado e levando sufoco do Santos. As alterações de Charles Guerreiro não sutiram muito efeito.

35'40 - Delciney rolou pra Michel Parintins, mas a zaga chega junto e corta o ataque do Tubarão. Boa jogada de Delciney que está com todo o gás.

30'10 - SUBSTITUIÇÃO NO PRINCESA: Sai o lateral Magno, que já tinha cartão amarelo e entra o Delciney, camisa 18. 

30'00 - O Princesa se perdeu na partida, está levando um sufoco. 

29'30 - SUBSTITUIÇÃO NO SANTOS-AP: Entra Remerson, sai o camisa 6, Marau.

29'00 - Fabinho chega nas costas de Magno do Princesa, o lateral se recupera e corta a bola, Na sequência Magno faz a falta. Perigo pra meta do gol do Tubarão.

28'45 - SUBSTITUIÇÃO NO PRINCESA: Sai Flamel, entra Loirinho. O zagueiro He-man foi atendido e continua no jogo.

27'30 - Lá vem Loirinho pro jogo. He-man deve deixar a partida. Segue Princesa 1 x 1 Santos-AP.

26'15 - Somália tenta buscar o jogo no meio de campo, mas acaba perdendo a bola, quase o contra ataque do Santos.

25'00 - Com a entrada de Marinelson, Charles Guerreiro tenta encaixar um contra ataque e matar o jogo. O problema é os espaços deixados nas costas de He-Man, que anda falhando seguidamente na partida.

22'00 - SUBSTITUIÇÃO NO PRINCESA: Entra Marinelson, saiu Branco.

21'00 - Bobeira do Princesa, deixou avançar, deixou armar e quase o Jean Marabaixo faz o segundo do Santos. 

19'00 - Branco tenta o chute, mas a bola passa longe, longe do gol de Diego. Lá vem Marinelson!

18'45 - Michel perdeu!! primeira boa jogada do Tubarão no segundo tempo, e Michel Parintins errou na hora da finalização. O Princesa tem de sair de trás e voltar pro jogo.

18'30 - Chute de fora da área e fabinho assusta mais uma vez o gol de Paulo. Segue no ataque a equipe amapaense.

17'05 - O Santos empatou, e tenta a virada. Somália ajuda a defesa, que anda batendo cabeça. Sufoco! Sufoco!

15'00 - GOOOOOOOOOOOLLLLL!!! Do Santos de Macapá!! Após bobeira da defesa do Tubarão, o camisa 9 do Peixe, Éverton colocou no ângulo de Paulo. Agora 1 a 1, amigos.

13'50 - O Princesa cai pelo lado direiro, nas costas de He-Man que joga adaptado na lateral. POr pouco o time de Macapá empata o jogo.

12'10 - Quase!! Paulo tira em cima da linha após finalização do Santos. O juiz já havia apitado falta. Sufo pra cima do Princesa!

11'00 - Santos tenta mais uma vez com Jean, Lídio cortou antes da definição do atacante do Santos.

08'40 - Diego deu uma de Rogério Ceni, mas a bola passou longe do gol de Paulo. Segue 1 a 0 pro Tubarão do Norte.

06'45 - Bom contra ataque do Santos e o juiz marcou falta perigosa contra o Tubarão. Jean Marabaixo está dando trabalho a zaga do Princesa. Diego, o goleiro, vai para a cobrança.

05'30 - Lídio dá bom bote e corta o lance do jogador do Peixe da Amazônia, escanteio pro Santos.

05'00 - SUBSTITUIÇÃO NO SANTOS-AP: No intervalo, saiu Vando e entrou Jean. 

02'30 - Michel chega pela direita, mas o lance é contado pela zaga do Santos. Segue o jogo.

01'00 - Falta à favor do Princesa, e Lídio solta a bomba que passa perto da meta do goleiro Diego, do santo do Amapá, segue: Princesa 1 a 0 Santos-AP.

COMEÇA O SEGUNDO TEMPO

O time do Princesa do Solimões de Manacapuru (localizada a 68 quilômetros da capital), começa com o pé direito a campanha rumo à terceira divisão do Campeonato Brasileiro. O Tubarão tenta impor mais um revés contra a equipe amapaense, no estádio Milton de Souza Correa, o Zerão, em Macapá. O Santos foi eliminado pelo clube amazonense pela Copa Verde ainda este ano.

O primeiro tempo terminou com o placar de 1 a 0 para o Princesa, que teve várias oportunidades de ampliar o placar. O atacante Branco aproveitou cobrança de escanteio pela direita e testou livre dentro da área para tirar o primeiro 'zero' do placar, no estádio Zerão. O time comandado pelo técnico Charles Guerreiro deve melhorar a pontaria no segundo tempo para sair de Macapá com uma vitória com escore mais elástico. 

Acompanhe conosco os lances da partida de estreia do Tubarão na Série D do Brasileirão 2014. Pra cima deles Princesa!