Log in

Bem-vindo Log out Alterar dados pessoais

Esqueceu a senha?

X

Qualquer dúvida click no link ao lado para contato com a Central de Atendimento ao Assinante

Esqueceu a senha?

X

Sua senha foi enviadad para o e-mail:

Tarumã vence o Paysandu nos pênaltis e está na final da Copa Norte Sub-20

Equipe amazonense empatou no tempo normal em 1 a 1 mesmo com um jogador a menos. A grande final do torneio acontece neste domingo (31), em Belém

Meninos do Tarumã comemoram a vitória sobre o remo em pleno estádio Baenão, em Belém.

Meninos do Tarumã estão na grande final da Copa Norte Sub-20, após bater o Paysandu na semifinal. (Reprodução/Facebook)

Os meninos do Tarumã estão fazendo história pelos gramados paraenses. Em mais um jogo de tirar o fôlego, o time do Amazonas despachou o Paysandu pela semifinal da Copa Norte Sub-20, realizada na manhã deste sábado (30), no estádio Francisco Vasques (o Souza), em Belém. No tempo normal o Lobo do Norte (apelido do clube) conseguiu empatar com os paraenses e, nas penalidades, conseguiu a vitória e a vaga na grande final.

Em jogo duro e sob forte calor, o Tarumã arrancou a igualdade no placar, e nas cobranças de pênaltis venceu o Papão da Curuzu (como é conhecido o Paysandu) por 3 a 2. A final da competição acontece na manhã deste domingo (31) e o rival é o Remo, atual campeão do torneio.

Durante o tempo normal, o Paysandu abriu o placar com Murilo ainda no primeiro tempo. O jogo seguiu com esse resultado até os 39 minutos da etapa final, quando Zé Augusto, ou Júnior Neymar, como é mais conhecido fez o gol do empate. Com a igualdade no marcador a partida foi para a cobrança de penalidades máximas, onde o Rubro-Negro do Norte se saiu melhor e conquistou a vaga.

Os garotos do Tarumã terão menos de 24 horas pra descansar, pois a decisão da Copa Norte Sub-20 acontece às 9h de domingo. Com a goleada aplicada sobre o Comercial-PI por 4 a 0, o Remo será o adversário do time amazonense, que tenta o bicampeonato da competição. Cabe aos meninos do Lobo do Norte evitar o triunfo remista e trazer o caneco pro Amazonas.