Log in

Bem-vindo Log out Alterar dados pessoais

Esqueceu a senha?

X

Qualquer dúvida click no link ao lado para contato com a Central de Atendimento ao Assinante

Esqueceu a senha?

X

Sua senha foi enviadad para o e-mail:

Tarumã cai diante do Remo e fica como vice da Copa Norte Sub-20

Os meninos do time amazonense haviam eliminado o Paysandu no sábado (30). Mesmo com a derrota na final, o futuro do futebol do Estado foi muito bem representado no torneio


Equipe amazonense jogou a final na casa do Remo, no estádio Baenão, em Belém.

Equipe amazonense jogou a final na casa do Remo, no estádio Baenão, em Belém. (Darlan Borges)

Os meninos do Tarumã lutaram bravamente mas não conseguiram vencer o cansaço, o calor e a equipe do Remo na manhã deste domingo (31), no estádio Baenão, em Belém, e acabaram com o vice-campeonato da Copa Norte Sub-20. A final do torneio que dá uma vaga na Copa do Brasil da categoria, foi jogada menos de 24 horas depois da semifinal. Apesar da derrota a imprensa do Pará gostou do que viu e teve jogador do Amazonas contratado pelo time campeão.

“Fizemos uma ótima Copa Norte e jogamos de igual para igual”, foi com essa frase que o comandante do Tarumã, Darlan Borges qualificou a campanha da equipe na competição. Na fase inicial do torneio, o Lobo do Norte (apelido do clube) havia vencido o Remo de virada pelo placar de 2 a 1. E na semifinal, o time do Paysandu caiu diante do Rubro-Negro nas penalidades.

“Vencemos os times paraenses, se não fosse a arbitragem teríamos sido campeões”, lamentou Darlan, lembrando que o futebol do Amazonas não deixou a desejar em nada ao apresentado pelos paraenses. O Leão Azulino (como é conhecido o Remo) jogou todos os jogos em seu estádio e com o apoio de sua fanática torcida. Fator sentido pelos jogadores e comissão técnica do time amazonense.

“Pela segunda vez a competição aconteceu em Belém, acho que se tivéssemos jogado em casa, com o apoio da nossa torcida com certeza teríamos conquistado o título desde ano. A torcida sempre faz muita falta e nós sentimos isso”, explicou o treinador do Tarumã.


Com gols de Tsunami, em cobrança de falta aos 7 minutos do primeiro tempo e Samuel, aos 39 da etapa final, o Remo se tornou bi-campeão da Copa. No ano passado o time paraense havia vencido o torneio derrotando outra equipe amazonense na final, naquela ocasião o adversário foi o Holanda.

Elogios e contratação

A passagem do Tarumã por Belém ficou marcada por boas atuações e vitórias sobre os principais clubes do Pará. Alguns atletas da equipe também foram bastante elogiados pela imprensa esportiva paraense. Foi o caso de Jamilson, mais conhecido como Wellington Nem -  em alusão ao ex-jogador do Fluminense -, o jogador caiu nas graças da diretoria do Remo e deve ser contratado pelo Leão Azulino para a disputa da Copa do Brasil Sub-20.

Outros atletas também estavam sendo sondados para permanecerem em Belém e atuar em equipes do Pará. O atacante Júnior Neymar foi um dos que sofreu assédio por parte dos times paraenses e estaria estudando propostas.

A delegação do Tarumã retorna a Manaus no início da tarde desta segunda-feira (1º) e o técnico Darlan Borges já começa a planejar o time para outras competições. Em janeiro o Lobo do Norte irá disputar o mais conhecido e respeitado campeonato da categoria, a Copa São Paulo de Futebol Juniores.