Log in

Bem-vindo Log out Alterar dados pessoais

Esqueceu a senha?

X

Qualquer dúvida click no link ao lado para contato com a Central de Atendimento ao Assinante

Esqueceu a senha?

X

Sua senha foi enviadad para o e-mail:

Metade dos ingressos para o jogo entre Fast e Princesa na Arena da Amazônia já estão vendidos

Torcida já comprou quase 10 mil entradas para o primeiro jogo da final do Campeonato Amazonense. A partida será realizada neste sábado (15)

Detalhe do ingresso de meia-entrada para o jogo do próximo sábado na Arena

Detalhe do ingresso de meia-entrada para o jogo do próximo sábado na Arena (Clóvis Miranda)

A partida entre Fast Clube e Princesa do Solimões - a primeira do Campeonato Amazonense que será realizada na Arena da Amazônia Vivaldo Lima - ao que tudo indica, terá recorde de público. Segundo a diretoria do Tricolor de Aço, ontem, foram vendidos quase 10 mil ingressos em Manaus. E os mil que foram encaminhados para Manacapuru (a 80 quilômetros da capital) acabaram em 35 minutos, de acordo com a diretoria do Tubarão. O confronto, que é válido pelo jogo de ida da final do turno do Estadual, acontecerá sábado, dia 15, a partir das 15h e com transmissão ao vivo da TV A Crítica.

As vendas das entradas para o duelo continuam hoje, em cinco pontos na capital (ver quadro ao lado) e em um ponto na cidade de Manacapuru (no café regional da Tuca, localizado na avenida Eduardo Ribeiro). Os ingressos custam R$ 30 (meia) e R$ 60 (inteira). Segundo, Claudio Nobre, diretor de futebol do Fast Clube, dos 70 camarotes, 42 já foram vendidos. “Nós vamos mandar mais mil ingressos para Manacapuru amanhã (hoje). Já vendemos quase todos os camarotes, que podem ser adquiridos na sede do Fast (na avenida Boulevard Álvaro Maia), no valor de R$ 100”, disse Claudio Nobre. A venda em tempo recorde dos ingressos, em Manacapuru, surpreendeu o diretor de futebol do Princesa, Rafael Maddy.

“Pedi apenas mil ingressos porque pensei que, por conta da viagem para Manaus, a procura iria ser pequena. Mas fui surpreendido e tive que pedir mais ingressos”, comentou. Mas não é de hoje que a torcida do Tubarão marca presença nos jogos do time. Ano passado, como mandante, o Princesa teve média de 1.680 pagantes em todo o Amazonense e “levou o título” de torcida mais frequente. Aliás, o ano de 2013, foi muito bom para o futebol local. Com o crescimento de público pagante de 89,5% em relação a 2012, chegou à marca de 770,3 pagantes por jogo. A venda dos 20 mil ingressos para o jogo de sábado pode representar um novo recorde para o Estadual, o melhor, se comparado aos últimos três anos.

Fast não mexe muito

Com um bom tempo para preparar o time para partida de sábado, o técnico do Fast, Aderbal Lana, comandou ontem um treino tático e começou a pensar no time que vai enfrentar o Princesa do Solimões, na Arena da Amazônia.

“Não vamos mexer muito na equipe, mas tenho que observar alguns setores, temos tempo e vamos buscar iniciar a partida com o que temos de melhor”, afirmou o experiente treinador.

Apesar de ser a primeira vez do Tricolor de Aço no novo estádio de Manaus, o atacante Carlinhos Bala disse que, satisfação mesmo, será derrotar o Tubarão e garantir uma boa vantagem para o próximo jogo.

“É claro que vai ser muito bacana jogar na Arena, estádio bom, mas o que mais quero mesmo é ajudar o Fast a vencer. O Princesa foi o único time que nos derrotou até agora e, por isso, sábado não haverá favoritos”, disse o jogador.

De acordo com o diretor de futebol do Rolo Compressor, Claudio Nobre, a equipe só fará o reconhecimento do campo, caso o Princesa também faça.

“Nós sabemos que o Princesa quer fazer o reconhecimento e é claro, que se eles fizerem nós também vamos fazer. Por enquanto não tem nada definido”, completou.