Log in

Bem-vindo Log out Alterar dados pessoais

Esqueceu a senha?

X

Qualquer dúvida click no link ao lado para contato com a Central de Atendimento ao Assinante

Esqueceu a senha?

X

Sua senha foi enviadad para o e-mail:

Profissionais que trabalharam nos JEAs em 2013 ainda aguardam pagamento

Mesmo após reunião na semana passada, ainda não houve pagamento aos profissionais e nem data prevista para que o mesmo seja efetivado

Botinho: Presidente da Fada, disse que o pagamento costuma atrasar, mas não tanto

Botinho: Presidente da Fada, disse que o pagamento costuma atrasar, mas não tanto (Marcio Silva)

O CRAQUE publicou na edição do dia 3 de janeiro deste ano, que os árbitros e treinadores de diversas modalidades desportivas que trabalharam nos Jogos Estudantis do Amazonas (JEAs) ainda não haviam recebido pelo serviço prestado. O imbróglio, porém, continua. A competição foi realizada em agosto de 2013 e, mesmo após reunião na semana passada, ainda não houve pagamento aos profissionais e nem data prevista para que o mesmo seja efetivado.

Nada

De acordo com o presidente da Federação Amazonense de Desportos Aquáticos (FADA), Victor Hugo Façanha, o Botinho, até agora nada foi sanado. “A seduc (Secretaria Estadual de Educação) ainda não se posicionou de maneira oficial.

Inclusive há alguns dias atrás teve uma reunião entre presidentes de federações e o secretário onde fomos até mal atendidos e nenhuma posição nos foi repassada”, disse o mandatário. Botinho informou ainda que em outras ocasiões, o pagamento caía no mesmo ano.

“Normalmente, o máximo que acontecia era de recebermos apenas em dezembro. Mas já estamos em janeiro e nada”, afirmou.
Um professor de uma modalidade que atuou como coordenador da disputa e que, por medo de ficar de fora nesta temporada, não quis revelar seu nome, disse ainda que está difícil não poder passar uma posição para os credores. “As pessoas que participaram me ligam querendo saber o que falta para recebermos. O pior é dizer que não sei o motivo”, contou.

O professor disse ainda que o pior é esperar sem saber quando vai receber. “Sabemos que eles vão pagar. Mas quando? Daqui a pouco começamos a organizar a competição outra vez e nada do pagamento”, comentou.

Secretaria se defendeA Secretaria de Educação (Seduc) se pronunciou por meio de nota oficial e disse que pagamento será efetivado assim que as duas secretarias (Sejel e Seduc), terminarem de levantar “todos os custos corretamente”.

Entretanto, na nota, nenhuma data específica foi passada para a reportagem.