Log in

Bem-vindo Log out Alterar dados pessoais

Esqueceu a senha?

X

Qualquer dúvida click no link ao lado para contato com a Central de Atendimento ao Assinante

Esqueceu a senha?

X

Sua senha foi enviadad para o e-mail:

Torcida amazonense desaprova Dunga para Seleção Brasileira

O capitão do tetra está de volta quatro anos após ser demitido pelo então presidente da CBF, Ricardo Teixeira, depois de falhar na Copa do Mundo da África do Sul

O time de Dunga também foi alvo das críticas do ex-craque holandês na Copa de 2010.

O time de Dunga também foi alvo das críticas do ex-craque holandês na Copa de 2010. (Reprodução/internet)

VOTE NA ENQUETE AQUI

Depois de muita especulação, a Confederação Brasileira de Futebol oficializou, nesta terça-feira (22), o retorno do técnico Dunga ao comando da Seleção Canarinho. O capitão do tetra, que treinou o Brasil entre os anos de 2006 e 2010 e que como treinador conquistou a Copa América de 2007, a Copa das Confederações de 2009 e um bronze nas Olimpíadas de 2008, além de garantir o primeiro lugar nas eliminatórias sul-americanas - está de volta quatro anos após ser demitido pelo então presidente da CBF, Ricardo Teixeira, depois de falhar na Copa do Mundo da África do Sul - quando a equipe Brasileira foi eliminada nas quartas de final pela Holanda.

Dunga substituirá Luiz Felipe Scolari - que também comandou a Seleção Brasileira duas vezes, conquistou o pentacampeonato na primeira passagem e na segunda viu o Brasil receber a maior humilhação em Mundiais - a derrota de 7 a 1 diante da Alemanha, na Copa, em casa, revoltou torcedores e o fez pedir demissão.

A fraca atuação do Brasil na Copa do Mundo e a saída de Felipão dividiram a opinião dos torcedores sobre a contratação de um novo técnico. Alguns chegaram até cogitar um treinador estrangeiro. Mas a CBF não só descartou a possibilidade, como trouxe de volta um velho conhecido da torcida brasileira. O CRAQUE foi às ruas ouvir a opinião dos manauenses sobre o retorno de Dunga. E a maioria discordou da Confederação.

As opiniões


“Eu acho que neste momento nós precisávamos de um técnico de fora. Merecíamos uma mudança, nosso futebol merecia e essa mudança não veio. O Dunga faz parte do passado e por isso digo que não gostei do retorno dele”, disse Brundys Barbosa, 22 anos, que trabalha como auxiliar mecânico.

A estudante Thayla Paz, de 18 anos, concorda com Barbosa e diz que queria uma cara nova à frente da Seleção. “O Brasil tinha quer se comandado por um técnico novo, que ainda não teve a chance se treinar a equipe brasileira, não precisava nem ser estrangeiro. O Dunga já teve a chance dele, a CBF tinha que dar oportunidade para outras pessoas”, disse.

Mas há quem acredite que Dunga poderá, sim, fazer um ótimo trabalho nesta segunda passagem pela equipe Canarinho.

“Todo mundo merece uma segunda chance. Eu acredito que agora o Dunga fará um trabalho diferente e que com certeza os resultados serão bem melhores. Por isso, digo que a CBF acertou ao trazê-lo de volta”, completou a estudante Jéssica Cidade, de 17 anos.

Para o trabalhador autônomo Wellington Pereira, de 30 anos, Dunga foi um ótimo jogador... apenas isso.

“Ele foi uma excelente atleta, capitão do tetra, e isso nós brasileiros nunca vamos esquecer. Mas como técnico ele é muito ruim. Esperávamos uma renovação que até agora não veio, acho que existem outras pessoas mais experientes e competentes e que mereciam esta oportunidade de comandar o Brasil”, afirmou o autônomo.

A servidora pública Ana Paula Gonçalves, de 28 anos, diz que ficou frustrada com o retorno de Dunga.

“Eu achava que desta vez a CBF iria trazer alguém de fora, ou então que chamaria o Tite para assumir o lugar de Felipão. A volta do Dunga me surpreendeu e deixou aquela impressão de que no Brasil faltam técnicos bons e experientes”, pontuou a torcedora.

Já o vendedor Fernando Santos, de 40 anos, disse que estava cansado da arrogância de Felipão e que gostou bastante da escolha da Confederação de Futebol.

“Eu aprovei o retorno do Dunga, acho que, sim, ele pode fazer um trabalho como treinador. Além do mais, o Felipão andava muito estressado. Acho que a CBF acertou na mudança”, completou.

Marcos Barroso, de 30 anos, é ferreiro armador, e diz que com o Dunga no comando a Seleção continuará a mesma e que nada deve mudar. “Continuamos na mesma, sem nada de renovação. Eu esperava outro treinador, mas espero, de verdade, que o Dunga tenha melhorado como treinador e que possa fazer um trabalho à frente da Seleção Brasileira, vou torcer por isso”, comentou Barroso.

Ronildo Silva, de 22 anos, que trabalha como guardador de carros, no Centro de Manaus, também “cobrou” a renovação.

“Com o Dunga tudo vai continuar como era antes, a tão sonhada renovação não deve acontecer, pelo menos não enquanto ele estiver à frente do grupo”, afirmou.

O técnico de automação Marcos Cruz, de 29 anos, tem a mesma opinião. “Cadê a renovação? Dunga de novo? Nesse momento nós precisávamos de um treinador mais experiente e não do Dunga, que já provou que não é um bom técnico”, comentou o especialista.

Para o bombeiro, Euvilmar Afonso, Dunga não era a opção que ele esperava, mas está, sim, “aprovado”. “Até que eu aprovei essa volta dele. Ele tem condições de ser a salvação para arrumar o que não fizeram. Não é a melhor escolha, claro, mas é o que temos. Esse papo de trazer um estrangeiro é furada, pois temos pessoas aqui que são capazes”, finalizou ele.