Log in

Bem-vindo Log out Alterar dados pessoais

Esqueceu a senha?

X

Qualquer dúvida click no link ao lado para contato com a Central de Atendimento ao Assinante

Esqueceu a senha?

X

Sua senha foi enviadad para o e-mail:

Assaltos continuam assustando moradores do ‘Viver Melhor’, na Zona Norte de Manaus

Moradores se queixam da falta de segurança, principalmente durante a noite

Polícia Militar informou que ampliou o esquema de segurança no conjunto habitacional

Polícia Militar informou que ampliou o esquema de segurança no conjunto habitacional (Evandro Seixas)

Apesar das ações da Polícia Militar para intensificar a segurança nas proximidades e dentro do Conjunto Viver Melhor, Zona Norte, os moradores da área ainda reclamam de assaltos após às 22h e outros crimes na região. A reportagem de A CRÍTICA visitou, ontem, o conjunto residencial e não constatou a maior presença de policiais nas ruas, conforme informado pela corporação.

A comerciante Maria Silva, 48, que mora no início do conjunto habitacional, conta que os assaltos aos pontos de ônibus, comuns após as 22h, estão ocorrendo com menos frequência. “Não temos visto os policiais na entrada, mas eles têm passado três vezes por dia e essa ronda já ajuda”, comentou.

Mas para moradores que vivem a partir da segunda etapa do conjunto, a situação não mudou significativamente. “Sabemos que tem mais policiais na área, mas mesmo assim é pouco. Depois que anoitece continuamos enfrentando os mesmos problemas de assaltos, brigas nas ruas e tráfico de drogas”, alertou o metalúrgico Jair Mota Dias, 41.

A ambulante Elane Padro, 41, reforçou que, por enquanto, o momento é de tranquilidade, mas espera que as ações da polícia, além de mais fortes, sejam contínuas. “Por causa da quantidade de denúncias, eles (policiais) passaram a vir com mais frequência. Esperamos que continue assim e que não seja só no início”, cobrou.