Log in

Bem-vindo Log out Alterar dados pessoais

Esqueceu a senha?

X

Qualquer dúvida click no link ao lado para contato com a Central de Atendimento ao Assinante

Esqueceu a senha?

X

Sua senha foi enviadad para o e-mail:

Campanha para ajudar bebê com síndrome rara chega a Manaus

A pequena Sofia da Silva, que vive em Votorantim, no interior de São Paulo precisa de ajuda financeira para  fazer o transplante, que somente é realizado nos Estados Unidos,  com custo que pode chegar a  US$1 milhão dólares fora as despesas da viagem

Criança depende de transplante de quatro órgãos

Criança depende de transplante de quatro órgãos (Reprodução/Internet)

Uma campanha divulgada nas redes sociais com o intuito de ajudar um bebê de dois meses, que nasceu com uma síndrome rara e está movimentando milhares de pessoas em todo o Brasil, agora chega à Manaus.  A pequena Sofia da Silva, que vive em Votorantim, no interior de São Paulo precisa de ajuda financeira para  fazer o transplante, que somente é realizado nos Estados Unidos,  com custo que pode chegar a  US$1 milhão dólares fora as despesas da viagem.

A campanha "Ajude a Sofia" ganhou força nas redes sociais e mais de 300 mil pessoas já curtiram e compartilharam a página. Por meio de um site,  o internauta também pode se cadastrar e doar o valor que quiser. A doação também pode ser paga com cartões de crédito ou por boleto bancário.

Em Manaus, acontecerão dois pedágios que estão sendo organizados por um grupo de pessoas, mas que tem a frente  vendedora Sammya Ferreira. Ela lembra que descobriu a história de Sofia pelas redes sociais. “De cara me comoveu. Tenho uma filha quase da mesma idade de Sofia e me coloquei no lugar dessa mãe. Passei então a ajudar e ser ativa na campanha com o intuito de que a situação chegasse ao maior número de pessoas possível”, explicou.

Os pedágios estão programados para acontecer nos dias 21 e 22 de junho, respectivamente no Parque dos bilhares e na feira da Eduardo Ribeiro e Largo São Sebastião. “Além desses dois dias de pedágios, estamos  preparando um bazar e também queremos continuar a pedir colaboração. Qualquer R$5 ajuda e muito”, avalia.

Síndrome

 No quinto mês de gestação a  mãe descobriu que Sofia  tinha uma deformidade na bexiga.  A seguir, a pequena foi diagnosticada com Síndrome de Berdon, uma rara doença que provoca problemas no intestino, na bexiga e no estômago. No caso de Sofia,  os órgãos não funcionam.

Decisão

No último dia 28 de maio, o desembargador Mário Moraes, do Tribunal Regional Federal, em São Paulo, determinou que a União providenciasse a remoção de Sofia em um avião adaptado para o Jackson Memorial Medical de Miami, para que fosse realizada a cirurgia, sob pena de multa diária de R$ 100 mil. Porém, a União recorreu da decisão.

Quando o recurso foi publicado a campanha voltou. “Queridos, a campanha voltará. A União recorreu, e pedimos que compreendam que isso era esperado e faz parte do processo. Por favor, quem puder ajudar, ajude. Sofia continua precisando de nós”, disse Patrícia Lacerda, mãe de Sofia.

Para ajudar:

Ajude a Sofia
Patrícia Lacerda da Silva
Banco do Brasil

CPF:018.597.873.80

Agência: 0995-4

Conta: 40.941-3

*Com informações de assessoria de comunicação.