Log in

Bem-vindo Log out Alterar dados pessoais

Esqueceu a senha?

X

Qualquer dúvida click no link ao lado para contato com a Central de Atendimento ao Assinante

Esqueceu a senha?

X

Sua senha foi enviadad para o e-mail:

Dois casos de estupro são registrados em Manaus neste fim de semana

Uma menor de 15 anos e uma mulher de 22 foram vítimas de abuso sexual em diferentes zonas da cidade

Na Delegacia Especializada em Proteção à criança e ao Adolescente, mãe disse que já denunciou agressão contra ela

Os casos estão registrados na Delegacia Especializada em Proteção à criança e ao Adolescente (Odair Leal)

O encarregado de empresa, Francisco Ferreira da Silva,48, e o agente de portaria, Anderson Miranda da Silva, 23, foram presos acusados de estuprar uma menor de 15 anos, no sábado (04). O crime aconteceu dentro da empresa em que os acusados trabalham, a Cetram, localizada no Distrito Industrial de Manaus.

De acordo com mãe da menina, as duas estavam no balneário Remanso do Boto, no lago Puraquequara, zona Leste de Manaus, quando encontraram com os acusados, que são vizinhos da vítima, e começaram a beber. Pouco tempo depois os dois homens convidaram a menina pra beber na empresa em que eles trabalham e a mãe deixou a filha sozinha com os vizinhos, depois foi pra casa, no bairro Gilberto Mestrinho, também na zona Leste da capital. Então os homens levaram a vítima, já sob o efeito de bebida alcoólica para a empresa e lá cometeram o crime.  

Vítima relatou caso à vizinha

A vítima voltou para casa normalmente e só depois contou o que tinha sofrido, omitindo o caso à mãe. O caso só veio à tona, após a menina contar o ocorrido para uma vizinha. A vizinha ficou indignada e contou o que tinha ouvido da menina à mãe, que denunciou o caso a Delegacia Especializada em Proteção à Criança e ao Adolescente (Depca). Os acusados foram presos na casa deles, na Rua Tenente José Arnaud por policiais da 4ª Companhia Interativa Comunitária (Cicom).

Estuprada depois de bêbada

O outro caso de estupro aconteceu no bairro Alfredo Nascimento, zona Norte, no sábado (4). A vítima é uma mulher de 22. O acusado é Jeciley Ferrão dos Santos, 19, desempregado.

O acusado bebia no Bar Maranhão, com o irmão dele, Jorciley Ferrão dos Santos e Igor Pereira da Cunha, juntamente com a vítima, que estava na companhia de uma amiga chamada Maria Alcimeira da Silva e mais uma menor de 12 anos. Após algum tempo as duas mulheres e a menina foram convidadas para a casa do acusado com o intuito de pegar cigarros e levar a vítima para tomar um banho, pois ela estava com forte cheiro de bebida. A jovem acabou ficando sozinha com Jeciley na casa, enquanto as outras pessoas voltaram pro bar.

Desconfiando da demora da amiga, Maria resolveu ir atrás da amiga, quando a encontrou no meio do caminho, toda molhada, usando uma camisa que não era a dela e sangrando. A mulher foi então levada ao Hospital Pronto Socorro Dr. Platão Araújo, na zona Leste, onde foi constatado o abuso sexual. O acusado foi preso em uma rua do bairro por policiais do 6º Distrito Integrado de Polícia (DIP), mas negou ter cometido o crime.