Log in

Bem-vindo Log out Alterar dados pessoais

Esqueceu a senha?

X

Qualquer dúvida click no link ao lado para contato com a Central de Atendimento ao Assinante

Esqueceu a senha?

X

Sua senha foi enviadad para o e-mail:

Muitas filas para inscrição dos cursos do Oportunidade & Renda do governo do Amazonas

Na ansiedade de conseguir uma vaga houve muita discussão nas filas para inscrição em um dos 12 cursos profissionalizantes do Cetam, na escola Elisa Freire, no Jorge Teixeira, zona Leste da cidade, que aconteceu nesta terça-feira, 13

Disputa por cursos do Cetam gera muita discussão na escola Elisa Freire

Disputa por cursos do Cetam gera muita discussão na escola Elisa Freire (Marlen Lima)

A intenção do governo do estado em oferecer cursos gratuitos, através do projeto Oportunidade & Renda, coordenado pelo Centro de Educação Tecnológica do Amazonas (Cetam) para população é válida, o que não é válido é a falta de organização que permeou as inscrições nesta tarde, 13, na Escola Elisa Bessa Freire, na avenida Itaúba, s/n, bairro Jorge Teixeira, zona Leste da cidade.

Uma confusão generalizada começou dentro e fora do ginásio da escola com muitas discussões, bate-bocas, e agressões verbais. A polícia foi chamada ao local para tentar acalmar os ânimos dos mais exaltados, o que até conseguiu dar uma pequena ordem na enorme desordem que tomou conta das filas para quem foi tentar se inscrever em um dos cursos do projeto Oportunidade & Renda.

O Cetam não se preocupou na escola Elisa Freire em fazer uma distribuição de senhas para as pessoas que iam chegando fossem ordenadamente aguardando a sua vez. Era esperado que centenas de pessoas comparecessem em busca de um curso profissionalizante.

O que se viu é que as dezenas de pessoas que chegaram ainda de madrugada desta terça-feira na escola como forma de garantir vaga em um dos 12 cursos oferecidos pelo Cetam, ao final este esforço foi em vão quando a organização perdeu o controle de quem havia chegado cedo e de quem estava chegando poucas horas antes da abertura das inscrições, marcada para iniciar às 17:30hr.

Do lado daqueles que chegaram cedo, uma pessoa ficou encarregada de organizar uma lista com nomes das pessoas que estavam na escola desde às 4 da manhã, desta terça-feira. A lista foi organizada pela universitária Raimaiane da Costa Carvalho, 19, moradora do Alfredo Nascimento, na zona Leste, que foi se inscrever no curso de Inspetor de Medição. Ela declarou que o Cetam errou ao não ter se organizado melhor, “para algo que se sabia que haveria uma enorme demanda. Por outro lado foi feita uma lista que não foi respeitada, e as pessoas que chegaram agora pela tarde, acabam sendo beneficiadas nessa bagunça que tomou conta de tudo”, afirma a estudante.

Da organização do Cetam, a coordenadora técnica pedagógica Arlene Bonfim informou que devido à grande procura das pessoas, natural que muitas pessoas ficassem temerosas em não conseguir se inscrever em algum curso. Para tanto, ficou decido que todos que estavam lá seriam atendidos.

- “O governador (Omar Aziz) determinou que todos que estão aqui serão atendidos nos cursos que se inscreverem. Ninguém ficará sem curso, que para esta escola, a Elisa Freire está oferecendo. Para isto, o número de cursos oferecidos foi ampliado para quantas turmas forem necessárias para atender a todos”, declarou Arlene.

De certo modo isso até tranqüilizou muitos das pessoas presentes, mas a balburdia ainda continuou devido às filas que foram formadas para cada um dos 12 cursos do Cetam. Muits pessoas reclamavam de ter chegado cedo e estar no fim da fila.

Todas as idades
Nas filas para se inscrever nos 12 cursos do Cetam, pôde-se ver pessoas com filho no colo, gestantes, estudantes, jovens, senhoras e senhores de mais de 40 anos que buscavam vaga nos cursos para si, ou para algum familiar, tudo no intuito de melhorar o currículo escolar, onde alguns tinham somente o ensino fundamental.

Dos Cursos
O Cetam abriu inscrição em 40 unidades da rede estadual de ensino, no horário de 17h30 as 21h. Os locais de inscrições e a listagem completa dos cursos ofertados encontram-se no site: www.oportunidaderenda.am.gov.br.

Segundo dados do governo, serão oferecidas 18 mil vagas em 43 cursos de qualificação profissional, que serão realizados em quatro Centros de Educação de Tempo Integral (Ceti’s), 29 Escolas Estaduais e sete Núcleos do Jovem Cidadão.

Os cursos possuem cargas horárias variadas de 30 a 240 horas e serão executados no horário das 18h às 21h. As aulas iniciam no dia 9 de abril e todas as escolas participantes do “Oportunidade & Renda” encontram-se identificadas com uma placa indicativa.

Zona Norte: 11 unidades da rede estadual

Zona Sul / Centro-Sul: 8 unidades da rede estadual

Zona Leste: 12 unidades da rede estadual