Log in

Bem-vindo Log out Alterar dados pessoais

Esqueceu a senha?

X

Qualquer dúvida click no link ao lado para contato com a Central de Atendimento ao Assinante

Esqueceu a senha?

X

Sua senha foi enviadad para o e-mail:

Feirinha do Tururi começa no dia 6 de outubro

Feirinha, que antecede a grande festa do Boi Manaus, já virou tradição na capital e reúne centenas de pessoas todas as noites

O clima de comemoração do aniversário da cidade de Manaus já começa semana que vem, dia 6 de outubro, com o início da Feirinha do Tururi, na Rua Belmiro Vianez, mais conhecida como Avenida do Samba, localizada na Zona Centro-Oeste de Manaus, a partir das 20h. O evento, realizado pela Prefeitura de Manaus, vai contar com a participação de mais de 30 artistas que se apresentarão diariamente até o dia 20 de outubro.

A feirinha, que antecede a grande festa do Boi Manaus, já virou tradição na capital e reúne centenas de pessoas todas as noites. “É o momento de apresentar as músicas com novas roupagens, mostrar nossa equipe e ter uma prévia da aceitação do público com todo esse trabalho”, explica Zezinho Corrêa.

Além de curtir os shows de artistas como Tony Medeiros, Carlinhos do Boi, Carrapicho entre outros no ritmo do boi-bumbá, o público também poderá adquirir o tururi, que é a vestimenta necessária para descer nos bois elétricos durante a comemoração.

Durante a reunião com os artistas, o diretor-presidente da Manaustur, Arlindo Jr, lembrou que a festa, comemorada há 15 anos, é o principal evento do calendário da cidade em termos de público, estrutura e duração. “Em 2010 mais de 300 mil pessoas passarem pelo Sambódromo nas três noites de comemoração do aniversário da cidade. A Prefeitura consegue envolver toda a sociedade em uma festa promovida somente por artistas da nossa terra”, comemora Arlindo.

Em 2011 o Boi Manaus terá o tema “Todas as tribos” e será realizado nos dias 22 (sábado), 23 (domingo) e 24 (segunda-feira) de outubro. “O próprio tema será o diferencial neste ano. Apesar do ritmo ser o boi-bumbá, todas as tribos serão homenageadas, desde forrozeiros até os roqueiros. A idéia é promover o verdadeiro dabacuri, que em tupi quer dizer reunião das tribos”, afirma Arlindo. Uma grande estrutura será montada, com camarotes, cadeiras, arquibancadas, decoração temática entre outras surpresas que estão sendo preparadas para o público que prestigia a festa.