Log in

Bem-vindo Log out Alterar dados pessoais

Esqueceu a senha?

X

Qualquer dúvida click no link ao lado para contato com a Central de Atendimento ao Assinante

Esqueceu a senha?

X

Sua senha foi enviadad para o e-mail:

Enfermeiro dorme ao volante e sofre acidente em avenida na Zona Centro-Sul de Manaus

Segundo a PM, a vítima estava voltando para casa vinda do plantão em um hospital na cidade.  Pelo cansaço, o enfermeiro cochilou na direção do veículo e colidiu com canteiro central

Carro bateu no canteiro central da Avenida Umberto Calderaro, próximo ao Hiper DB

Carro bateu no canteiro central da Avenida Umberto Calderaro, próximo ao Hiper DB (Manaustrans)

O enfermeiro Aston Eduardo Freitas, 37, ficou preso nas ferragens do veículo dele, um Fiat Uno de cor branca e placas JWK 1697, após perder a direção do automóvel, colidir e arrancar uma árvore do canteiro central da avenida Umberto Calderaro (antiga Paraíba), Adrianópolis, Zona Centro-Sul de Manaus. Aston teria cochilado enquanto dirigia, e sobreviveu.

O acidente aconteceu por volta das 7h30 desta quinta (1º), próximo à sede da OAB-AM. O automóvel ficou com carroceria, porta e vidros totalmente destruídos e o enfermeiro teve que ser retirado das ferragens pelo Corpo de Bombeiros. Ele foi socorrido e levado para o Hospital e Pronto Socorro João Lúcio e, de lá, foi levado para Pronto Socorro Unimed Nilton Lins, onde recebe atendimentos médicos.

Policiais da 16ª Companhia Interativa Comunitária foram ao local e disseram que a vítima sofreu o acidente porque perdeu o controle do carro após cochilar no volante. O enfermeiro estava vindo do plantão em um hospital na cidade e dormiu devido o cansaço posterior ao trabalho. O carro do enfermeiro foi guinchado e levado para o parqueamento da Prefeitura de Manaus.

Agentes de trânsito do Manaustrans compareceram no acidente e interditaram as duas vias da avenida Umberto Calderaro e, posteriormente, realizaram a contenção do fluxo com cones. Como o óleo do veículo havia vazado e se espalhado na pista, os agentes tiveram que jogar pó de serragem na via. A Polícia Civil investigará o caso.