Log in

Bem-vindo Log out Alterar dados pessoais

Esqueceu a senha?

X

Qualquer dúvida click no link ao lado para contato com a Central de Atendimento ao Assinante

Esqueceu a senha?

X

Sua senha foi enviadad para o e-mail:

Em Manaus, moradores acusam cacique de lotear e vender área verde no conjunto Cidadão XII

Índio da etnia Kokama teria invadido terreno ao lado de conjunto habitacional do governo e estaria negociando loteamentos por R$ 4 mil, dizem moradores

Moradores querem fazer vigia no local para preservar área verde

Moradores fazem vigília no local para preservar área verde (Evandro Seixas)

Moradores do Conjunto Habitacional cidadão XII, localizado na zona Norte de Manaus, acusam o cacique identificado como Jair Mafra, da tribo Kokama, de lotear e vender a área verde da região.

Populares disseram ainda que na tarde desta quinta-feira (7) ele esteve no local para lotear com madeiras o espaço acompanhado de mais três pessoas.

De acordo com depoimento de vizinhos do terreno, Jair já é conhecido no bairro por negociar terrenos ilegalmente. O suposto cacique, inclusive, é ex-morador do local. “Ele já morou aqui. Invadiu um terreno, vendeu e saiu daqui. Quer fazer a mesma coisa de novo”, disse um morador que por medo de retaliações, preferiu não revelar o nome.

Outro popular, identificado como Leandro Silva, teme pela segurança do local. “Estamos pleiteando um campo nesse espaço e ele ainda quer vender o único espaço que tem”, disse ele ao informar que em outras ocasiões ele já teria agredido vizinhos do local com flechas.

A 26º Companhia Interativa Comunitária (CICOM) foi acionada e ficou em observação no local.