Log in

Bem-vindo Log out Alterar dados pessoais

Esqueceu a senha?

X

Qualquer dúvida click no link ao lado para contato com a Central de Atendimento ao Assinante

Esqueceu a senha?

X

Sua senha foi enviadad para o e-mail:

Convocados no concurso da Semed têm até esta terça-feira (12) para posse dos cargos

Segundo a Semed, dos 1.145 aprovados no certame, 716 já estão atuando em escolas. Convocados que não puderem tomar posse devem requerer, também até amanhã, o prazo para prorrogação e apresentação de justificativa

Segundo a Seduc, nova convocação de aprovados deve ocorrer somente após o fim da primeira

Segundo a Semed, nova convocação de aprovados deve ocorrer somente após o fim da primeira (Divulgação/Semed)

Encerra nesta terça-feira (12) o prazo para os 1.145 aprovados e convocados do concurso da Secretaria Municipal de Educação (Semed) tomarem posse dos cargos. Segundo o órgão, 716 professores e pedagogos já estavam atuando nas escolas da rede municipal até a manhã desta segunda (11). Em caso de impossibilidade, convocados devem requerer, também até amanhã, prorrogação do prazo por mais 30 dias e apresentar justificativa.

Os dados são da chefe da Divisão de Pessoal da Semed, Altina Magalhães. “Deram entrada na prorrogação do prazo para posse, até a manhã desta segunda o total de 117 convocados. Eles alegam motivos pessoais e estão amparados pelo Estatuto do Servidor, Lei 1.118”, disse.

O requerimento para prorrogação está disponível no mesmo local de posse, no setor de Lotação, Divisão de Desenvolvimento Profissional do Magistério (DDPM), localizada na Avenida Maceió, próximo à sede da Semed. Os documentos podem ser entregues, das 8h às 16h30, segundo o órgão.

Posse

O prazo de 30 dias para comparecimento no setor de lotação e posse da Semed começou a contar no dia 14 de julho, um dia útil após publicação da convocação, assinada pelo prefeito de Manaus, Arthur Virgílio Neto, na edição nº 3448, do Diário Oficial do Município (DOM).

Altina explicou que o baixo comparecimento dos nomeados levou a Semed a prorrogar o contrato de servidores contratados em Regime de Direito Administrava (RDA) para não prejudicar o calendário letivo dos alunos.

“Para não prejudicar a continuidade das aulas e cumprir os 200 dias letivos do ano de 2014, alguns RDAs tiveram os contratos prorrogados. À medida que os concursados comparecerem, o contrato dos RDAs será encerrado. A única forma de se tornar um servidor efetivo é por meio de concurso”, declarou.

Ela esclareceu, ainda que uma nova convocação dos aprovados em concurso pode ocorrer somente após o fim de todos os prazos da primeira convocação. “Temos uma disponibilidade de vagas e não podemos convocar um número superior a essa disponibilidade”.