Log in

Bem-vindo Log out Alterar dados pessoais

Esqueceu a senha?

X

Qualquer dúvida click no link ao lado para contato com a Central de Atendimento ao Assinante

Esqueceu a senha?

X

Sua senha foi enviadad para o e-mail:

Corpo de Bombeiros realiza o primeiro resgate com o helicóptero multimissão

A equipe dos bombeiros resgatou Jhony da Silva Melo, 25, envolvido no acidente entre uma pick up e uma motocicleta na avenida Nilton Lins


Tempo-resposta foi de um minuto e meio

Tempo-resposta foi de um minuto e meio (Corpo de Bombeiros Militar do Amazonas)

O helicóptero multimissão do Corpo de Bombeiros Militar do Amazonas realizou neste domingo (23) o primeiro socorro aéreo de vítima com politraumatismo.

O acidente de trânsito envolvendo uma pick up e uma motocicleta na avenida Nilton Lins deixou Jhony da Silva Melo, 25, desacordado e com suspeita de traumatismo craniano, o que motivou o uso da aeronave pelo Comando de Bombeiros Salvamento Aéreo e Regate (CBSAR).

Durante o resgate, que contou com a ação de cinco bombeiros militares e um médico do Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu), o tempo-resposta do CBMAM foi de um minuto e meio na chegada da ocorrência e de dois minutos o transporte aéreo até o Pronto-socorro João Lúcio, na zona leste de Manaus.

Uma unidade de resgate via terrestre demoraria nesse trajeto em torno de 20 minutos considerando o fluxo livre de trânsito, podendo agravar a situação da vítima.

Após o atendimento médico na unidade hospitalar foram constatadas duas fraturas. Uma de fêmur na perna esquerda e outra no pulso direito. Para Jonhy Melo, que após o acidente recebeu a visita de um bombeiro militar no hospital, o atendimento aéreo do CBMAM, foi rápido e eficaz.

"Eu só tenho a agradecer esse atendimento do Corpo de Bombeiros. Nem esperava e quando vi helicóptero pousou e rápido eu cheguei ao hospital", enfatizou a vítima, que é motorista de profissão.


Salvamento e resgate aéreo

O início das operações do Corpo de Bombeiros Militar do Amazonas (CBMAM) e da Defesa Civil, utilizando helicóptero multimissão para situações de extrema emergência na capital e nos municípios que compõem a Região Metropolitana de Manaus, foi no último dia 18, com um simulado no Comando-Geral da corporação, localizado no bairro Petrópolis.

"A aeronave AS50 B2 (Esquilo) está preparada para o atendimento pré-hospitalar, com maca, cilindros de oxigênio e demais equipamentos de emergência, busca e salvamento. É um serviço pioneiro e essencial, que o governo, por meio do Corpo de Bombeiros e da Defesa Civil, disponibiliza a população do Estado", afirmou na ocasião o Comandante-Geral do CBMAM, coronel Roberto Rocha.

Além do atendimento pré-hospitalar, o helicóptero conta com um equipamento Bambi Bucket, que capta água de um ambiente durante o voo e lança em outra área, como regiões de queimada. Tem ainda pontos de ancoragem para ser utilizado em regate por meio de rapel. Com autonomia de voo de 3h20min (sem a necessidade de abastecimento), pode levar até 2.250kg.