Log in

Bem-vindo Log out Alterar dados pessoais

Esqueceu a senha?

X

Qualquer dúvida click no link ao lado para contato com a Central de Atendimento ao Assinante

Esqueceu a senha?

X

Sua senha foi enviadad para o e-mail:

Empresa de tecnologia desenvolve ações de responsabilidade social em Manaus

Samsung dá exemplo de compromisso com a sociedade, desenvolvendo em Manaus programas de cunho socioeducativo que resultarão em bons frutos no futuro

Gigante sul-coreana construiu um centro comunitário em comunidade na Zona rural de Manaus

Gigante sul-coreana construiu um centro comunitário em comunidade na Zona rural de Manaus (Luiz Vasoncelos)

Empresas de todos os portes já perceberam que não basta despejar produtos no mercado e investir em marketing para que as pessoas os comprem. O cliente do novo milênio não valoriza apenas o produto em si, é preciso que a empresa mostre empatia e personalidade. Nesse aspecto, a Samsung vem se destacando em Manaus, com diversas ações que aproximam a empresa da sociedade.

O Employee Volunteer Program (EVP) é uma iniciativa promovida pela Samsung que incentiva seus funcionários participarem, em seus dias de férias, de projetos de cunho sociail. O EVP é o terceiro programa social que a empresa implementa em Manaus. De acordo com o diretor da Samsung da América Latina Pedro Kim, a empresa acredita que projetos como esses devem ser feitos por todas as corporações. “Acredito que temos responsabilidades com a sociedade. Por essa razão, apoiaremos sempre a promoção de ações sociais como essas”, afirma.

Além do EVP, a empresa desenvolve em Manaus o programa Smart School e já pensa em realizar outros projetos em breve. É o que conta o gerente de Cidadania Corporativa da Samsung America Latina, Helvio Kanamaru. “Ainda esse ano, queremos lançar o concurso educacional “Resposta para o Amanhã”, onde os professores do ensino médio de ciências e matemática, em pareceria com alunos, podem enviar seus projetos pensando em torno da comunidade em que eles vivem”, explica.

De acordo com o vice-presidente de Recursos Humanos da Samsung da América Latina, Francisco Cuesta, a atuação social da empresa começa pelos funcionários. “Temos vários projetos de capacitação. Na cidade, temos o projeto de capacitação de mão de obra especializada em chão de fábrica, pois percebemos que as fábricas estavam se tornando muito automatizadas. Em conseqüência, as atividades das pessoas tornavam-se mais técnica e menos operacional. Observando essa necessidade, capacitaremos as pessoas para exercer atividades mais automatizadas e daremos oportunidade para técnicos cuidarem dessas máquinas”, salienta Cuesta.

Conforme o sócio da empresa Ingresse Gabriel Benarrós, 25, corporativas que adotam iniciativas de cunho social têm a capacidade de criar valor na sociedade e em seus empregados. “Eu acho que a empresa tem uma capacidade enorme de criar valor. O governo também tem esse papel, mas não precisa ser apenas ele. Esse projeto criado pela Samsung irá influenciar as pessoas e isso é fantástico. O EVP foi um dos melhores projetos de cunho social que eu já vi”, diz Benarrós.