Log in

Bem-vindo Log out Alterar dados pessoais

Esqueceu a senha?

X

Qualquer dúvida click no link ao lado para contato com a Central de Atendimento ao Assinante

Esqueceu a senha?

X

Sua senha foi enviadad para o e-mail:

Fiscalização expandida: Ruas de Manaus terão 12 novos radares de fiscalização eletrônica

Nas próximas semanas, as principais vias da capital ganharão ‘corujinhas’, que serão responsáveis por monitorar velocidade dos motoristas

Avenida André Araújo, no Aleixo foi um dos locais de onde o equipamento foi retirado

Pelo menos nove equipamentos de controle de velocidade estão em fase de implantação (Bruno Kelly)

Doze novos radares de fiscalização eletrônica, também conhecidos como “corujinhas”, devem entrar em funcionamento nas próximas semanas em vários pontos da capital.

Pelo menos nove equipamentos de controle de velocidade estão em fase de implantação pelo Instituto Municipal de Engenharia e Fiscalização do Trânsito (Manaustrans) e aferição pelo Instituto Nacional de Metrologia, Qualidade e Tecnologia (Inmetro).

Outros três serão instalados em locais que apresentaram necessidade de redução de velocidade, segundo estudos realizados pelo Manaustrans.

Com os novos equipamentos, serão 35 radares funcionando na cidade, entre os que registram ultrapassagem de velocidade máxima e os que fiscalizam avanço de sinal vermelho.

De acordo com o Manaustrans, os radares entrarão em operação logo depois da aferição realizada pelo Inmetro. No entanto, não começarão a flagrar as irregularidades que resultam em multas antes de uma campanha para informar a novidade aos condutores, para que não sejam surpreendidos.

Localização

Na avenida Noel Nutels, Zona Norte, os radares serão  instalados próximo ao prédio do Instituto Nacional do Seguro Social (INSS), no sentido Centro/bairro, próximo à rotatória do Serviço de Atendimento Médico de Urgência (Samu), no sentido bairro/Centro e um terceiro próximo ao supermercado Atacadão, no sentido Centro/bairro.

Na avenida Max Teixeira, na Zona Norte, será instalado apenas um controlador de velocidade próximo ao Colégio da Polícia Militar, no sentido bairro/Centro.

Segundo o Manaustrans, na avenida Autaz Mirim, na Zona Leste, serão instalados radares antes da rua Itacolomy, no sentido bairro/Centro, outro depois da rua Itacolomy, no sentido Centro/bairro, e, o último, antes do shopping Cidade Leste, no sentido Centro/bairro.

Na Djalma Batista, na Zona Centro-Sul, também haverá intervenção, com a instalação de um radar próximo ao Departamento Nacional de Infraestrutura de Transportes (DNIT), no sentido bairro/Centro.

Na avenida General Rodrigo Otávio, na Zona Sul, um radar será instalado no próximo à Metalúrgica Magalhães, no sentido Coroado /Japiim.

Os equipamentos instalados nas avenidas Torquato Tapajós, em frente à empresa Phillips, no sentido Centro/bairro, Zona Norte, e Nathan Xavier de Albuquerque, na Zona Leste, serão reposicionados.

De acordo com o diretor-presidente do Manaustrans, Paulo Henrique Martins, a Prefeitura de Manaus quer proporcionar mais segurança para pedestres e motoristas que transitam nas vias onde os radares serão instalados, uma vez que todas apresentam maior risco de acidentes.

Orientação

Apesar da resolução 396 do Conselho Nacional de Trânsito (Contran), em vigor desde o dia 22 de dezembro de 2011, deixar claro que não é preciso instalar placas alertando sobre a existência dos radares, o Manaustrans promete instalar sinalização para orientar condutores.

Norma

A resolução desobriga órgãos e entidades executivas de trânsito a fazer qualquer aviso com placas sobre a existência de equipamentos de fiscalização eletrônica de velocidade entendendo que cabe ao condutor obedecer o limite máximo de velocidade da via.

Em números

23 é total de radares operando atualmente na capital. O número saltará para 35. Caso o condutor ultrapasse o limite da via em 20%, o que é considerado uma infração grave, e seja flagrado pelos radares, será multado em R$ 127,69 e perderá cinco pontos na CNH.