Log in

Bem-vindo Log out Alterar dados pessoais

Esqueceu a senha?

X

Qualquer dúvida click no link ao lado para contato com a Central de Atendimento ao Assinante

Esqueceu a senha?

X

Sua senha foi enviadad para o e-mail:

Fora da Seminf, Hissa Abrahão volta a despachar na PMM

Vice-prefeito perdeu espaço da Secretaria, e divide gabinete na prefeitura com outros dois secretários

Gabinete [Hissa]

Bagagem do vice-prefeito encaminhada para o gabinete onde ele vai despachar no prédio da prefeitura, na Compensa (Winnetou Almeida)

Fora da pasta de Infraestrutura, onde este ano administrou R$ 401 milhões, o vice-prefeito Hissa Abrahão (PPS) vai despachar em um gabinete na Prefeitura de Manaus, dividindo o espaço com servidores do Gabinete Civil e da Secretaria Municipal de Finanças (Semef).

Hissa Abrahão não esteve no gabinete nesta quarta (18), que fica na sede da prefeitura, na avenida Brasil, no bairro Compensa, na Zona Oeste. Os únicos dois servidores que se encontravam no gabinete do vice-prefeito, por volta das 15h, espremiam-se entre o amontoado de caixas e móveis que chegavam ao local.

O gabinete do vice-prefeito fica no lado oposto ao do prefeito Artur Neto. Tem uma área total de 198,6 metros quadrados. Mas desse total, 71,87 metros quadrados são ocupados pelo Gabinete Civil e a Semef. Assim, restará a Hissa Abrahão e os 29 servidores lotados no gabinete uma área de 126,8 metros quadrados.

Até a semana passada, Hissa Abrahão, então secretário de Infraestrutura, mesmo quando assumia a prefeitura interinamente, despachava na secretaria. Com isso, o espaço para onde está sendo obrigado a se mudar às pressas, depois de que foi sacado da pasta pelo prefeito, nunca teve a cara de gabinete de vice-prefeito.

Segundo um dos assessores do gabinete de Hissa Abrahão, Junior Nunes, até então, apenas parte dos servidores dava expediente no prédio da prefeitura. Outros assessoravam o vice-prefeito na Seminf. “Eu, por exemplo, trabalhava na secretaria”, disse Nunes, ontem.

Artur Neto demitiu Hissa Abrahão no dia 12, durante entrevistas a emissoras de rádio de Manaus. A rusga entre os dois tem como pano de fundo as eleições de 2014. O prefeito queria que seu vice-prefeito se colocasse fora da lista de pré-candidatos ao Governo do Amazonas. Sem sucesso, tomou-lhe a Seminf. O PPS decidiu em reunião ancional que Hissa será candidato ao Governo em 2014.

Demitido, Hissa Abrahão afirmou, na terça-feira (17), que não era subalterno ao ponto de desistir de algo que sequer estar definido. “Nunca afirmei que vou ser candidato. Não nego que tenho vontade. Mas não posse desistir de uma coisa que não sei nem se vai acontecer”, afirmou o vice-prefeito.

O substituto de Hissa Abrahão na Secretaria Municipal de Infra-Estrutura (Seminf) é Luiz Borges. Ele foi apresentado por Artur Neto na segunda-feira (16).