Log in

Bem-vindo Log out Alterar dados pessoais

Esqueceu a senha?

X

Qualquer dúvida click no link ao lado para contato com a Central de Atendimento ao Assinante

Esqueceu a senha?

X

Sua senha foi enviadad para o e-mail:

Homem que trocou carro de R$ 25 mil por carregamento de droga vai preso por tráfico em Manaus

O suspeito trouxe cerca de 13 quilos de droga de Campo Grande (MS) para Manaus e esperava lucrar R$ 68 mil com a venda de entorpecentes. Ele é primo do também traficante "Sassá da 14"

Ele estava com a droga e outros materiais em uma casa no bairro Japiim

Ele estava com a droga e outros materiais em uma casa no bairro Japiim (Lucas Silva)

Ytallo Gleyco Nonato Ferreira, 23, primo do traficante Denilson Júlio Ferreira da Silva, o “Sassá da 14”, foi preso com aproximadamente 13 quilos de drogas na casa dele, no bairro Japiim, na Zona Sul de Manaus, na tarde desta sexta-feira (25). A prisão dele foi realizada por policiais da Delegacia Especializada em Repressão ao Entorpecente (Depre).

A delegada titular da Depre, Vanessa Ricardo, informou que eles receberam uma ligação anônima, onde o denunciante afirmava que um primo do traficante “Sassá”, da Praça 14, preso no ano passado, estava fornecendo entorpecente, e que na residência dele havia grande quantidade de droga, avaliada em R$ 68 mil.

Os policiais civis iniciaram a investigação e foram até o local para confirmar a denúncia. Na casa, situada na rua 25, os investigadores encontraram o suspeito, que entregou nove quilos de cocaína, três quilos de maconha e um quilo de oxi. Além disso, várias porções de bicarbonato de sódio, cafeína e uma prensa também foram apreendidas no local.

“Tudo leva a crer que ele mesmo estava fabricando os tabletes de droga com o auxílio dessa prensa. O Ytallo também confirmou que a droga era dele e que iria vender aqui em Manaus mesmo e informou que adquiriu a droga trocando um carro, avaliado em R$ 25 mil, pelo entorpecente”, explicou a Vanessa Ricardo.

Ela acrescentou que o suspeito trouxe o material de Campo Grande (MS), através de um fornecedor. O suspeito não quis falar com a imprensa. Questionada sobre o envolvimento de Ytallo com facções criminosas na capital, a delegada preferiu não tocar no assunto, mas disse que isso será investigado.

Ficha suja

Ytallo será autuado por tráfico e vai para a cadeia pública de Manaus. Vanessa Ricardo lembrou que esta não é a primeira vez que Ytallo é preso. Em consulta ao site do Tribunal de Justiça do Amazonas (TJAM), a reportagem verificou que o suspeito responde a três processos por tráfico e um por homicídio, ocorrido em janeiro do ano passado, também na Praça 14, na Zona Sul.