Log in

Bem-vindo Log out Alterar dados pessoais

Esqueceu a senha?

X

Qualquer dúvida click no link ao lado para contato com a Central de Atendimento ao Assinante

Esqueceu a senha?

X

Sua senha foi enviadad para o e-mail:

Bancário AM decidem pela greve

Em reunião no final da tarde da última segunda-feira (26), ficou definido que os três bancos públicos e seis privados que atuam na capital amazonense vão fechar as portas e manter apenas os serviços básicos dos caixas eletrônicos

Bancários entram em greve

Bancários AM entram em greve (Elza Fiúza/ABr)

Os bancários do Amazonas decidiram ontem, em assembleia geral, acompanhar a indicação nacional e começar hoje uma greve por tempo indeterminado. Em reunião no final da tarde, ficou definido que os três bancos públicos e seis privados que atuam na capital amazonense vão fechar as portas e manter apenas os serviços básicos dos caixas eletrônicos.

Na sexta-feira (26) a Federação Nacional dos Bancos (Fenaban) apresentou uma proposta com índice de reajuste de 8%, não aceita pelos bancários que pedem um reajuste de 12,8%. O Comando Nacional de Greve também considerou que a proposta não contempla a valorização do piso da categoria nem prevê aumento na Participação dos Lucros e Resultados (PLR).

Correios

A greve dos servidores dos Correios completa amanhã duas semanas e quem precisa resgatar uma encomenda terá que localizar seu objeto pelo site dos Correios (www.correios.com.br) e se dirigir à unidade sugerida, já que não há indícios quanto ao final do movimento nacional. Pelo menos 75% dos 350 mil objetos que chegam diariamente no Amazonas não são entregues. Para resgatar cartas é preciso ir a um dos nove Centros de Distribuição espalhados na cidade. Os Correios prometem descontar os dias parados dos funcionários em greve