Log in

Bem-vindo Log out Alterar dados pessoais

Esqueceu a senha?

X

Qualquer dúvida click no link ao lado para contato com a Central de Atendimento ao Assinante

Esqueceu a senha?

X

Sua senha foi enviadad para o e-mail:

CRO-AM pede explicações à Manaus Ambiental sobre aplicação de flúor na rede de água

Desde 2012, o CRO acompanha o processo de implantação do sistema de fluorentação da água feita pela concessionária Manaus Ambiental

Desde 2012, o CRO acompanha o processo de implantação do sistema de fluorentação da água feita pela concessionária Manaus Ambiental

Desde 2012, o CRO acompanha o processo de implantação do sistema de fluorentação da água feita pela concessionária Manaus Ambiental (Euzivaldo Queiroz)

O Conselho Regional de Odontologia do Amazonas (CRO-AM) informa que se reuniu com o a concessionária Manaus Ambiental para discutir sobre a fluorentação da água distribuída na cidade de Manaus. A aplicação de flúor na água, prevista na Legislação Federal, é uma das maneiras mais eficazes para prevenir caries desde a infância até a vida adulta, e é considerada uma questão de saúde pública, segundo explicou a Presidente do Conselho, Vera Louzada.

Desde 2012, o CRO acompanha o processo de implantação do sistema de fluorentação da água feita pela concessionária Manaus Ambiental.  “Nosso papel é garantir que a população tenha de fato esse beneficio, por isso, precisamos saber com mais detalhes como todo esse processo vem sendo realizado”, disse.

De acordo com Vera, durante reunião com a Manaus Ambiental, no dia 19 de março, técnicos da empresa explicaram como funcionam as etapas da fluorentação e ainda sobre os índices de flúor utilizados. “Esse sistema precisa ter uma fiscalização externa (heterocontrole), para que realmente ele tenha efeito na população. O controle da dosagem por exemplo, não deve ser feito pela própria empresa.  Por isso, estamos entrando em contato com a Secretaria Municipal de Saúde (Semsa) e demais órgãos do município e Estado, para discutir os meios de fiscalização que podem ser implementados, de acordo com a legislação vigente”, disse.

Outra ação que precisa ser ajustada, de acordo com a Presidente Vera Louzada, é que a concessionária precisa informar a população, através dos meios de comunicação, que esse sistema de fluorentação está sendo implantado.

De acordo com a empresa Manaus Ambiental, a fluoretação é realizada visando proporcionar uma medida segura e econômica de auxiliar na prevenção da cárie dentaria. Segundo a concessionária, nas ETAs e nos Centros de Produção de Água Subterrânea (CPAS) é utilizado o flúor sob a forma de Ácido Fluossilícico. As dosagens de cloro e flúor utilizados para  o tratamento da água seguem as normas convencionais dos padrões de potabilidade.

 Medida eficaz contra cáries

Segundo pesquisadores brasileiros e internacionais, a fluoretação pode reduzir a cárie em até 60%. Segundo a Organização Mundial de Saúde (OMS), nos países em que a fluoretação é empregada nas estratégias preventivas de Saúde Pública essa medida continua sendo a principal responsável pela prevenção da cárie dentária.

O flúor, veiculado pela água, é absorvido pelo organismo e exerce efeito preventivo local. Isso não decorre somente da "passagem" do flúor pela cavidade oral e pelos dentes no momento da ingestão da água fluoretada ou sucos e alimentos preparados com ela, mas também pela presença do flúor na saliva circulante no meio bucal.

*Com informações de assessoria.