Log in

Bem-vindo Log out Alterar dados pessoais

Esqueceu a senha?

X

Qualquer dúvida click no link ao lado para contato com a Central de Atendimento ao Assinante

Esqueceu a senha?

X

Sua senha foi enviadad para o e-mail:

Centro Aberto de Mídia na Copa do Mundo será inaugurado nesta segunda-feira

O CAM funcionará no Centro Cultural dos Povos da Amazônia, na zona sul de Manaus, das 8h às 18h e das 8h às 23h, nos dias de jogos na capital

O CAM funcionará no Centro Cultural dos Povos da Amazônia, na zona sul de Manaus, das 8h às 18h e das 8h às 23h, nos dias de jogos na capital

O CAM funcionará no Centro Cultural dos Povos da Amazônia, na zona sul de Manaus, das 8h às 18h e das 8h às 23h, nos dias de jogos na capital (ROBERTO CARLOS/AGECOM)

Na próxima segunda-feira, 9 de junho, começa a funcionar o Centro Aberto de Mídia (CAM) de Manaus na Copa do Mundo da FIFA. O espaço destinado aos jornalistas locais ou visitantes foi desenvolvido pelo Governo do Estado, Prefeitura de Manaus e Governo Federal, por meio do Ministério do Esporte. O CAM funcionará no Centro Cultural dos Povos da Amazônia, na zona sul de Manaus, das 8h às 18h e das 8h às 23h, nos dias de jogos na capital.

 O CAM da Sede Manaus vai oferecer atendimento das assessorias de Comunicação do Governo e Prefeitura e estrutura completa de trabalho para os profissionais de veículos de comunicação locais, nacionais e internacionais, especialmente os não credenciados pela FIFA, entre os dias 9 e 26 de junho, data posterior à última partida da Copa do Mundo realizada na Arena da Amazônia.

De acordo com a subchefe da Agência de Comunicação do Amazonas (Agecom), Cristiane Mota, a intenção é oferecer uma boa estrutura para que os jornalistas não credenciados pela FIFA possam desenvolver suas atividades de maneira satisfatória. “Nós abrimos o credenciamento esta semana e já temos mais de 200 solicitações. O espaço é aberto, mas esse procedimento é necessário para conhecermos o público que fará a cobertura aqui em Manaus”, afirmou.

 No CAM, os profissionais terão acesso à internet Wi-Fi de 300 mb disponível em todas as áreas, Sala de Imprensa com 40 bancadas para trabalho, computadores, impressoras e televisores. Há ainda à disposição um estúdio para gravação de programas de TV e rádio e auditório para entrevistas coletivas. A estrutura também possui uma recepção, onde serão entregues as credenciais aos profissionais, com colaboradores do Programa Amazonas Bilíngue para dar informações; lounge com sofás e uma sala de apoio onde podem ser realizadas entrevistas. Também estarão disponíveis para uso da imprensa restaurante e bar, que será reinaugurado.

 De acordo com a gerente de comunicação da Manauscult, Mayara Brilhante, a estrutura do Centro de Mídia foi elaborada com base no que foi visto no Centro de Mídia do Rio de Janeiro, no ano passado, durante a Copa das Confederações. “Governo do Estado e Prefeitura estão trabalhando em conjunto para que possamos fazer o melhor evento do País”.

 O Programa Amazonas Bilíngue, realizado pelo Governo do Amazonas, oferece curso de inglês para estudantes do Ensino Médio da rede pública estadual. Mais de dois mil alunos participam do projeto. Durante o período de funcionamento do Centro Aberto de Mídia, 90 colaboradores irão ajudar os jornalistas, prestando informações e orientações.

 Segundo o coordenador do programa Duanes Santos, os alunos, que tem entre 16 e 17 anos, trabalharão em turnos de quatro horas e receberão transporte e refeição. Quinze estudantes dos cursos de Letras, Turismo e Jornalismo, do programa Bolsa Universidade, da Prefeitura de Manaus, também atuarão como colaboradores no CAM.

Programação cultural

Durante a Copa, a Secretaria de Estado da Cultura tem uma extensa programação de espetáculos, shows e entretenimento acontecendo no CCPA, um espaço de difusão da cultura amazônica com mais de 68,2 mil metros quadrados, e em todos os espaços culturais do Governo do Amazonas.

 As exposições permanentes do espaço também estarão disponíveis para visita dos profissionais de Comunicação, como o Museu do Homem do Norte, com aproximadamente 2 mil peças representativas da cultura do homem amazônico; o Cine Silvino Santos, destinado à exibição de filmes  e documentários com a temática amazônica; e o Espaço Rio Amazonas, semelhante a uma maloca indígena, revestida externamente por palha trançada de arumã (uma fibra regional), destinado a exposições e conferências.

Passeio regional

Os profissionais credenciados para o Centro Aberto de Mídia também terão à disposição serviço de passeio diário, destinado ao Encontro das Águas, feito em uma balsa de médio porte, toda caracterizada para a Copa, com capacidade para 80 pessoas.

 *Com informações de assessoria de comunicação.