Log in

Bem-vindo Log out Alterar dados pessoais

Esqueceu a senha?

X

Qualquer dúvida click no link ao lado para contato com a Central de Atendimento ao Assinante

Esqueceu a senha?

X

Sua senha foi enviadad para o e-mail:

Dupla faz arrastão e atira contra policiais durante a prisão

O tiro que atingiu o retrovisor esquerdo do veículo da PM foi disparado pelo menor, ao perceber a chegada dos policiais

O tiro atingiu o retrovisor esquerdo da viatura da 27ª Cicom

O tiro atingiu o retrovisor esquerdo da viatura da 27ª Cicom (Divulgação)

Samuel Pereira Cabral, de 20 anos, e um adolescente de 16 anos são suspeitos de cometerem ‘arrastões’ no bairro Amazonino Mendes, Zona Leste de Manaus, e atirarem contra uma viatura policial da 27ª Companhia Interativa Comunitária (Cicom) durante a prisão na noite desta terça-feira (7). O tiro que atingiu o retrovisor esquerdo do veículo da PM foi disparado pelo menor, ao perceber a chegada dos policiais na avenida Sávio Belota, bairro Novo Aleixo, Zona Norte.

De acordo com os policiais militares, em patrulhamento pelo bairro Amazonino Mendes, testemunharam informaram sobre a ação da dupla, que roubou várias vítimas no local e fugiram em veículo, modelo Fiesta, cor vermelha e placas OAN-6366. A equipe conseguiu localizar o carro já no bairro Novo Aleixo e assim que percebeu a chegada da viatura, o menor atirou contra os policiais.


Samuel e o adolescente foram detidos e com eles a polícia encontrou o revólver calibre 38, duas munições intactas e uma deflagrada, duas bolsas, três celulares, uma carteira porta-cédula, um relógio de pulso e um equipamento de informática que haviam sido roubados das vítimas. Após consulta no sistema da polícia foi constatado que o veículo usado pela dupla também era roubado.

Samuel foi autuado em flagrante por roubo, porte ilegal de arma de fogo de uso permitido, corrupção de menor e direção perigosa no 6º Distrito Integrado de Polícia (DIP). O menor foi levado para a Delegacia Especializada em Apuração de Atos Infracionais (Deaai), onde responderá um processo interdisciplinar por tentativa de homicídio, roubo e porte de arma de fogo.