Log in

Bem-vindo Log out Alterar dados pessoais

Esqueceu a senha?

X

Qualquer dúvida click no link ao lado para contato com a Central de Atendimento ao Assinante

Esqueceu a senha?

X

Sua senha foi enviadad para o e-mail:

Homem rouba R$ 61 mil de gerente comercial, mas é capturado pela polícia

Mesmo desarmado, o assaltante agiu com violência jogando a vítima no chão após ela reagir e tentar segurar a pasta com o dinheiro

Homem rouba R$ 61 mil após analisar cotidiano da vítima

Homem rouba R$ 61 mil após analisar cotidiano da vítima (Divulgação )

Kevin de Andrade Filgueira, de 19 anos, foi preso no fim da manhã desta segunda-feira (24) após roubar uma pasta com mais de R$ 61 mil da gerente de uma distribuidora localizada na Zona Norte de Manaus. Segundo a polícia, o suspeito já havia observado a rotina da vítima, que fazia depósitos no inicio das semanas, e a abordou nas proximidades da agência bancária do Itaú, na avenida Noel Nutels.

De acordo com o tenente Matias da 6ª Companhia Interativa Comunitária (Cicom), uma viatura da guarnição passava pelo local e foi acionada pela vítima. Segundo a mulher, o homem já estava observando a movimentação na distribuidora e a seguiu até a agência bancária. Ao chegar o local, o homem abordou a vítima e puxou a bolsa. Mesmo desarmado, ele agiu com violência jogando a mesma no chão após ela reagir e tentar segurar a pasta preta com R$ 61,552 em espécie para o pagamento de fornecedores.

Após um patrulhamento pela área, os policiais reconheceram a bolsa da vítima e as características de Kevin informadas pela gerente. Ao perceber a chegada da polícia, o suspeito tentou fugir correndo e pulou o muro de três casas. Os policiais continuaram a perseguição e conseguiram prendê-lo.

Kevin foi levado para o 6º Distrito Integrado de Polícia (DIP), onde foi autuado em flagrante por roubo e deve ser encaminhado à Cadeia Pública desembargador Raimundo Vidal Pessoa. O dinheiro foi devolvido para a gerente após os procedimentos policiais. 

A polícia alerta para frequência nas atividades das pessoas e principalmente, transporte de altas quantias sem uma empresa de segurança. "A rotina das pessoas é um dos alvos para os criminosos, que observam o dia a dia das vítimas e buscam o melhor momento para as abordarem. É necessário tomar medidas de segurança e cautela ao transportar quantias altas de dinheiro", disse um dos policiais envolvidos na ação.