Log in

Bem-vindo Log out Alterar dados pessoais

Esqueceu a senha?

X

Qualquer dúvida click no link ao lado para contato com a Central de Atendimento ao Assinante

Esqueceu a senha?

X

Sua senha foi enviadad para o e-mail:

Meninas são estupradas dentro de carro em Manaus

As duas vítimas foram estupradas por um homem até o momento desconhecido pela polícia, que estava em um carro escuro de placas não identificadas, na Avenida das Torres

A cirurgia aconteceu durante a noite dessa quarta-feira (15) na maternidade Moura Tapajóz, localizada na zona Oeste da cidade, onde a menina está internada

A vítima mais nova passou por uma cirurgia e encontra-se em quadro estável, sob observação, na maternidade Moura Tapajós (Bruno Kelly)

O que era para ser mais um dia normal na rotina escolar de duas meninas de 11 anos e 14 anos, acabou virando um pesadelo na manhã da última sexta-feira (3), na avenida das Torres, no Parque 10 de Novembro, Zona Centro-Sul. As duas vítimas foram estupradas por um homem até o momento desconhecido pela polícia, que estava em um carro escuro de placas não identificadas.

De acordo com informações de policiais militares do Ronda no Bairro, que atenderam a ocorrência, as crianças estavam em uma parada de ônibus quando o homem passou com o veículo, apontou um revólver para as vítimas e mandou que a jovem de 14 anos entrasse no carro.

Ainda segundo os PMs, a menina de 11 anos se desesperou e saiu correndo pela via. O suspeito arrancou com o carro, apontou a arma para a cabeça da adolescente que estava com ele e ameaçou matá-la, caso a outra não entrasse.

A jovem de 14 anos foi estuprada pelo homem e a criança de 11 anos também foi estuprada e teve parte do útero e ânus cortado. Uma moradora do conjunto chamou a polícia quando viu as vítimas perambulando pelo bairro.

A criança de 11 anos deu entrada na maternidade Moura Tapajóz, na Compensa, Zona Oeste, na manhã de sexta com cortes no útero e ânus devido a violência sexual no veículo. A menina passou por uma cirurgia de reconstituição dos dois órgãos, conforme informações da polícia.

Funcionários da maternidade informaram que a vítima que está com o quadro estável, porém, sob observação dos médicos residentes.

O caso está sendo investigado pela na Delegacia Especializada em Proteção a Criança e ao Adolescente (DEPCA), no conjunto Vista Bela, no Planalto, Zona Centro-Oeste.

De acordo com informações da polícia, a adolescente de 14 anos de idade passou por exame de conjução carnal, anal e corpo de delito no Instituto Médico Legal (IML), na Cidade Nova, Zona Norte.

Os investigadores vão contar com ajuda de câmeras de segurança do Centro Integrado de Operações Policiais de Segurança (CIOPS) situadas na avenida das Torres, no Parque 10, para identificar a placa do veículo e chegar até o estuprador.

Ainda de acordo com a polícia, a criança de 11 anos estava sagrando no momento do atendimento médico e por pouco não morreu por hemorragia interna.